GALERY, M. C. V. Assombro, ambivalência e heterotopia: a cidade em O mercador de Veneza, de Shakespeare. Aletria: Revista de Estudos de Literatura, [S. l.], v. 28, n. 3, p. 29–45, 2018. DOI: 10.17851/2317-2096.28.3.29-45. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/aletria/article/view/18810. Acesso em: 24 jun. 2024.