Elementos de morfologia histórica do nome em latim

  • Oscarino da Silva Ivo Universidade Federal de Minas Gerais
Palavras-chave: língua latina, história, morfologia, caso

Resumo

As desinências casuais latinas indicam, ao mesmo tempo, a função sintática e o número gramatical das palavras. Não se pode dizer o mesmo com relação ao gênero, pelo menos do substantivo. Nenhum morfema distingue o substantivo masculino nauta do substantivo feminino ianua, ou dominus, masculino, de fagus, feminino. Pode-se afirmar que o nominativo masculino dominus é diferente, na sua desinência, do neutro templum, mas não cabe a mesma afirmação para as formas dominum e templum, de acusativo singular.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
1980-12-31