Oliveira, C. I. de, Pires, A. C., Macedo, R. G. e Siqueira, A. T. E. (2006) “A antropologia paulino-agostiniana: a criação do paradigma da ambivalência do eu-moral e a interpretação do binômio saúde-doença”, Memorandum: Memória e História em Psicologia, 10, p. 9–32. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/memorandum/article/view/6728 (Acessado: 6 julho 2022).