Espaço Interativo de Ciências da Vida

  • Fabrício Fernandino Universidade Federal de Minas Gerais
Palavras-chave: museu interativo, homem e saúde, interatividade

Resumo

Nesta apresentação textual é feita uma reflexão sobre os processos conceituais e propositivos que levaram a implantação do Espaço Interativo de Ciências da Vida do Museu de História Natural e Jardim Botânico da UFMG. Esse Espaço resultante da proposta para a criação de um museu interativo tem como eixo conceitual o homem e sua saúde. Em suas oito salas são tratados temas relativos à estrutura humana, seu funcionamento onde são disponibilizados ao público experimentos interativos digitais associados a modelos anatômicos convencionais. O objetivo fim é promover o conhecimento e o interesse pela ciência através de mecanismos digitais, adequando à proposta museológica as expectativas de um público afinado a essas tecnologias.

Biografia do Autor

Fabrício Fernandino, Universidade Federal de Minas Gerais

Doutorado e Mestrado em Artes – Escola de Belas Artes - Depto. Artes Plásticas – UFMG. Docente da Escola de Belas Artes – Depto. Artes Plásticas – UFMG. Coordenador de implantação do projeto do Espaço Interativo de Ciências da Vida

Publicado
2018-10-04
Seção
Notícias do Museu