CONHECIMENTO DE ENFERMEIROS SOBRE GENÉTICA E GENÔMICA APLICADO AO CÂNCER DE MAMA

Autores

  • Cintia Yolette Urbano Pauxis Aben-Athar Universidade Federal do Pará - UFPA, Faculdade de Enfermagemm - FAENF, Belém PA , Brasil, Universidade Federal do Pará - UFPA, Faculdade de Enfermagemm - FAENF. Belém, PA - Brasil. http://orcid.org/0000-0002-6951-3547
  • Michele Monteiro Sousa Secretaria de Saúde Pública do Estado do Pará - SESPA, Coordenação Estadual de Saúde da Mulher, Belém PA , Brasil, Secretaria de Saúde Pública do Estado do Pará - SESPA, Coordenação Estadual de Saúde da Mulher. Belém, PA - Brasil. http://orcid.org/0000-0003-2239-9721
  • Marta Solange Camarinha Ramos Costa SESPA, Coordenação Estadual de Atenção Oncológica, Belém PA , Brasil, SESPA, Coordenação Estadual de Atenção Oncológica. Belém, PA - Brasil. http://orcid.org/0000-0003-3025-1145
  • Thalyta Mariany Rêgo Lopes Ueno Universidade do Estado do Amazonas - UEAM, Escola Superior de Ciências da Saúde, Belém PA , Brasil, Universidade do Estado do Amazonas - UEAM, Escola Superior de Ciências da Saúde. Belém, PA - Brasil. http://orcid.org/0000-0002-3991-7022
  • Fabianne de Jesus Dias de Sousa Universidade Federal do Pará - UFPA, Faculdade de Enfermagemm - FAENF, Belém PA , Brasil, Universidade Federal do Pará - UFPA, Faculdade de Enfermagemm - FAENF. Belém, PA - Brasil. http://orcid.org/0000-0002-8151-3507
  • Glenda Roberta Oliveira Naiff Ferreira Universidade Federal do Pará - UFPA, Faculdade de Enfermagemm - FAENF, Belém PA , Brasil, Universidade Federal do Pará - UFPA, Faculdade de Enfermagemm - FAENF. Belém, PA - Brasil. http://orcid.org/0000-0002-8206-4950
  • Aline Maria Pereira Cruz Ramos Universidade Federal do Pará - UFPA, Faculdade de Enfermagemm - FAENF, Belém PA , Brasil, Universidade Federal do Pará - UFPA, Faculdade de Enfermagemm - FAENF. Belém, PA - Brasil. http://orcid.org/0000-0001-8812-2923

DOI:

https://doi.org/10.35699/2316-9389.2021.44496

Palavras-chave:

Genética, Genômica, Neoplasias da Mama, Enfermeiras e Enfermeiros, Atenção Secundária à Saúde, Atenção Terciária à Saúde

Resumo

Objetivo: identificar o conhecimento de enfermeiros em genética e genômica aplicado ao câncer de mama. Método: estudo transversal com a aplicação de um questionário desenvolvido pelos autores a enfermeiros assistenciais, maiores de 18 anos, atuantes na atenção secundária e terciária, no município de Belém do Pará, região Norte do Brasil. Realizada técnica de amostragem por conveniência em relação aos locais de coleta e amostragem aleatória simples para o número amostral mínimo de 71 participantes. Resultados: foram abordados 80 enfermeiros com idade média de 42 anos, sendo a maior parte de especialistas. Verificaram-se diferenças entre o nível da atenção em que os enfermeiros atuam e o primeiro contato com genética e/ou genômica (p<0,001); entre o conceito de DNA (p<0,0001); o conhecimento sobre o heredograma (p=0,004); conhecimento sobre a faixa etária do rastreamento mamográfico com risco familiar (p=0,027); o exame clínico realizado por um médico ou enfermeira treinados, anualmente, a partir de 40 anos (p=0,005). A maioria dos casos de CA de mama ocorre devido a alterações genéticas hereditárias (p=0,0004) e da menarca precoce, menopausa tardia, nuliparidade, alterações hormonais, sedentarismo, sobrepeso, tabagismo e terapia hormonal, que são os principais fatores de risco para o câncer de mama esporádico (p=0,0039). Conclusão: identificou-se uma lacuna de conhecimento sobre os conceitos de genética e genômica aplicados ao câncer de mama entre os dois grupos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Global Burden of Disease Cancer Collaboration. Global, Regional, and National Cancer Incidence, Mortality, Years of Life Lost, Years Lived With Disability, and Disability-Adjusted Life-Years for 29 Cancer Groups, 1990 to 2017. JAMA Oncol. 2019[citado em 2021 jan. 2];5(12):1749-68. Disponível em: https://jamanetwork.com/journals/jamaoncology/fullarticle/2752381

Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA). A situação do câncer de mama no Brasil: síntese de dados dos sistemas de informação. Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva. Rio de Janeiro: INCA; 2019[citado em 2020 jun. 15]. Disponível em: https://www.inca.gov.br/sites/ufu.sti.inca.local/files/media/document/a_situacao_ca_mama_brasil_2019.pdf

Vaz DWN, Oliveira JD, Santos Filho LCC, Miranda TLKS, Evangelista HI, Silva JB. Descrição epidemiológica de pacientes diagnosticados com CA de mama no Estado do Pará. Rev Bras Educ Saúde. 2020[citado em 2020 abr. 20];10(2):86-90. Disponível em: https://editoraverde.org/gvaa.com.br/revista/index.php/REBES/article/view/7788

Aguiar FR. Produção de Cuidado na Rede de Atenção ao Câncer de Mama: revisão integrativa. Sanare. 2018[citado em 2020 mar. 20];17(01):84-92. Disponível em: https://doi.org/10.36925/sanare.v17i1.1226

Biancolella M, Testa B, Salehi LB, D'Apice MR, Novelli G. Genetics and Genomics of Breast Cancer: update and translational perspectives. Review Semin Cancer Biol. 2020[citado em 2021 jan. 2];S1044-579X(20)30079-1. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/32259642/

Flynn S, Cusack G, Wallen GR. Integrating Genomics into Oncology Practice. Review. Semin Oncol Nurs. 2019 Feb[citado em 2021 jan. 2];35(1):116-30. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/30686495/

Ministério da Saúde (BR). Portaria conjunta Nº 04, de 23 de janeiro de 2018. Aprova as Diretrizes Diagnósticas e Terapêuticas do Carcinoma de Mama. Brasília: MS; 2018[citado em 2021 fev. 2]. Disponível em: https://portalarquivos2.saude.gov.br/images/pdf/2018/fevereiro/07/PORTARIA-no-04-PCDT.carcinoma.mama.2018.pdf

Ministério da Saúde (BR). Portaria nº 199, de 30 de janeiro de 2014. Institui a Política Nacional de Atenção Integral às Pessoas com Doenças Raras. Brasília: MS; 2014. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2014/prt0199_30_01_2014.html

Ministério da Saúde (BR). Portaria nº 81 de 20 de janeiro de 2009. Política Nacional de Atenção Integral em Genética Clínica. Brasília: MS; 2009[citado em 2020 abr. 20]; Disponível em: http://dtr2001.saude.gov.br/sas/PORTARIAS/Port2009/GM/GM-81.html

Conselho Federal de Enfermagemm. Resolução nº468/2014. Atuação do enfermeiro no aconselhamento genético. Brasília: Cofen; 2014[citado em 2020 abr. 20]. Disponível em: http://www.cofen.gov.br/wp-content/uploads/2015/01/RESOLUCAO-COFEN-No-0468-2014-ANEXO-ACONSELHAMENTO-GENETICO.pdf

Cardoso MCV, Cordeiro Júnior DA. Enfermagemm em genômica: o aconselhamento genético nas práticas assistenciais. REME - Rev Min Enferm. 2016[citado em 2020 mar. 20];20:e956. Disponível em: https://doi.org/10.5935/1415-2762.20160025

Lopes Júnior LC, Carvalho Júnior PM, Ferraz VEF, Nascimento LC, Riper MV, Flória-Santos M. Genetic education, knowledge and experiences between nurses and physicians in primary care in Brazil: A cross-sectional study. Nurs Health Sci. 2017[citado em 2020 mar. 10];19(1):66-74. Disponível em: https://doi.org/10.1111/nhs.12304

Prolla CMD, Silva PS, Netto CBO, Goldim JR, Ashton-Prolla P. Conhecimento sobre câncer de mama e câncer de mama hereditário entre enfermeiros em um hospital público. Rev Latino-Am Enferm. 2015[citado em 2020 mar. 10];23(1):90-7. Disponível em: https://doi.org/10.1590/0104-1169.0185.2529

Pacheco RL, Martimbianco ALC, Garcia CM, Logullo P, Riera R. Guidelines para publicac¸a~o de estudos cienti´ficos. Parte 2: Como publicar estudos observacionais (coorte, caso-controle e transversal). Diagn Tratamento. 2017[citado em 2020 mar. 10];22(30):121-6. Disponível em: http://docs.bvsalud.org/biblioref/2017/08/848018/rdt_v22n3_121-126.pdf

Jenkins J. Essential Genetic and Genomic Nursing Competencies for the Oncology Nurse. Semin Oncol Nurs. 2011[citado em 2021 jan. 2];27(1):64-71. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3059123/

Perroca MG. Desenvolvimento e validação de conteúdo da nova versão de um instrumento para classificação de pacientes. Rev Latino-Am Enferm. 2011[citado em 2021 jan. 2];19(1):[09 telas]. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/rlae/v19n1/pt_09.pdf

Conselho Federal de Enfermagemm (COFEN). Perfil da Enfermagemm no Brasil. Brasília. 2013[citado em 2020 mar. 16]. Disponível em: http://www.cofen.gov.br/perfilEnfermagemm/index.html

Conselho Nacional de Saúde (BR). Resolução 573 GM/MS Nº de 31 de janeiro de 2018: aprova as recomendações do Conselho Nacional de Saúde (CNS) à proposta de Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) para o curso de graduação Bacharelado em Enfermagemm. Brasília: CNS; 2018[citado em 2021 jan. 16]. Disponível em: https://conselho.saude.gov.br/resolucoes/2018/Reso573.pdf

Lopez V. Genetic Testing: Do Cancer Care Nurses Have a Role? Asia Pac J Oncol Nurs. 2018[citado em 2020 jul. 16];5(4):391-3. Disponível em: https://doi.org/10.4103/apjon.apjon_23_18

Vecchio MM. Breast cancer screening in the high-risk population. Asia Pac J Oncol Nurs. 2018[citado em 2020 jul. 16];(5):46-50. Disponível em: https://doi.org/10.4103/apjon.apjon_53_17

Sales LAP, Lajus TBP. Aconselhamento gene´tico em oncologia no Brasil: realidade e perspectivas. Rev Med. 2018[citado em 2020 jul. 06];97(5):448-53. Disponível em: http://dx.doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v97i5p448-453

Geuzinge HA, Obdeijn IM, Rutgers EJT, Sepideh S, Ritse MM, Jan CO, et al. Cost-effectiveness of Breast Cancer Screening With Magnetic Resonance Imaging for Women at Familial Risk. JAMA Oncol. 2020[citado em 2021 fev. 2];6(9):1381-9. Disponível em: https://jamanetwork.com/journals/jamaoncology/article-abstract/2768633

Ministério da Saúde (BR). Portaria nº 3.712 de 22 de Dezembo de 2020. Institui, em caráter excepcional, incentivo financeiro federal de custeio para o fortalecimento do acesso às ações integradas para rastreamento, detecção precoce e controle do Câncer no Sistema Único de Saúde. Brasília: MS; 2020[citado em 2021 fev. 2]. Disponível em: https://www.in.gov.br/web/dou/-/portaria-gm/ms-n-3.712-de-22-de-dezembro-de-2020-295788198

Goldman RE, Figueiredo EN, Fustinoni SM, Souza KMJ, Almeida AM, Gutiérrez MGR. Rede de Atenção ao Câncer de Mama: perspectiva de gestores da saúde. Rev Bras Enferm. 2019[citado em 2020 jul. 30];72(Suppl 1):274-81. Disponível em: https://doi.org/10.1590/0034-7167-2017-0479

De Cesaro BC, Vasconcellos VPC, Scola BT. Heterogeneidade nas diretrizes do câncer de mama: Ministério da Saúde e Secretarias Municipais de Saúde. Rev Fac Ciênc Méd Sorocaba. 2019[citado em 2020 jul. 06];21(1):22-7. Disponível em: https://doi.org/10.23925/1984-4840.2019v21i1a5

Publicado

06-09-2021

Como Citar

1.
Aben-Athar CYUP, Sousa MM, Costa MSCR, Ueno TMRL, Sousa F de JD de, Ferreira GRON, Ramos AMPC. CONHECIMENTO DE ENFERMEIROS SOBRE GENÉTICA E GENÔMICA APLICADO AO CÂNCER DE MAMA. REME Rev Min Enferm. [Internet]. 6º de setembro de 2021 [citado 18º de julho de 2024];25(1). Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/reme/article/view/44496

Edição

Seção

Revisão

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)