Livro e leitura diante do potencial da mídia televisiva

  • Larissa Casagrande Faller Universidade Federal de Minas Gerais
Palavras-chave: leitura, livros, televisão.

Resumo

Resumo: Este ensaio se propõe a questionar a veracidade do fato de a televisão prejudicar a leitura de um livro. Muito se discute afirmando que o brasileiro não lê, porém não podemos pensar em leitura citando apenas livros literários, pois ela é tudo aquilo que pode ser decodificado e interpretado por um indivíduo. A televisão, que em muitos casos aparece como vilã não tem todo esse poder, pois veremos que enquanto a leitura exercita nossa imaginação, a televisão nos informa. Assim elas possuem características diferentes.

Palavras-chave: leitura; livros; televisão.

Abstract: This essay seeks to question the truthfulness of the assertion that television has a detrimental effect on the number of books people read. It has often been claimed that Brazilians do not read enough. However, we should not think of reading only in terms of literary books because this is not the only form of media that can be decoded and interpreted by an individual. Television in many cases is regarded as the villain, but this is untrue, it simply does not have the power that is attributed to it. Whilst reading exercises our imagination, television informs us. In this way they possess two very different characteristics that should both work in parallel and complement each other.

Keywords: reading; books; television.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2005-06-30