Estatização, políticas sociais e lazer no Brasil

  • Dulce Filgueira de Almeida Universidade de Brasília – UNB
Palavras-chave: Estado, Política Social, Atividades de Lazer.

Resumo

RESUMO: O trabalho analisa o papel do Estado e das políticas sociais, tendo como
foco a questão do lazer e os programas governamentais no Brasil. Trata-se de um
trabalho baseado em pesquisa documental, cuja reflexão se assenta em autores como
Bobbio (1990), Burzstin (1998), Santos (1997) e Mascarenhas (2004). Os eixos
norteadores do debate estão centrados nos conceitos de Estado, políticas sociais,
participação democrática e lazer. Com base na reflexão apresentada, propõe-se a
construção de uma compreensão crítica sobre o cenário da institucionalização de
políticas sociais que focalizam o lazer no Brasil.

STATIZATION, SOCIAL POLICES AND LEISURE IN THE BRAZIL
ABSTRACT: This paper analyses the role of the State and the social polices having as
center the leisure and the governmental programs in the Brazil. It was a work based on
documental research, supported by authors such as Bobbio (1990), Burzstin (1998),
Santos (1997) and Mascarenhas (2004). The theoretical reference was centered in
categories such as: State, social polices, participative democracy and leisure. It is
proposed a critical comprehension of the scene of the institutionalization of the social
polices in Brazil that has its’ focus on the leisure.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2010-12-20
Como Citar
de Almeida, D. F. (2010). Estatização, políticas sociais e lazer no Brasil. LICERE - Revista Do Programa De Pós-graduação Interdisciplinar Em Estudos Do Lazer, 13(4). https://doi.org/10.35699/1981-3171.2010.786
Seção
Artigos Originais