O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • O periódico somente aceita artigos (sejam ensaios, resultados de pesquisa ou reflexões teóricas sobre projetos de intervenção) que não tenham sido enviados a outro periódico (condição para sua aceitação), redigidos em português, inglês, espanhol ou francês.

    Processo de Avaliação por pares: para realizar a avaliação por pares cega deve-se tomar os cuidados para não revelar a identidade de autores e avaliadores durante o processo. Assim, os autores de documentodevem excluir do texto seus nomes e notas de rodapé que possam identificá-los. Após o recebimento, o artigo é submetido à apreciação prévia dos editores que julgam a sua adeuqação à política editorial do periódico. Caso decidam pela tramitação, os editores o encaminham para avaliação quanto ao mérito a, no mínimo, dois avaliadores. Os avaliadores podem recomendar a aceitação, recusa ou aprovação com correções obrigatórias. Todos os pareceres elaborados são encaminhados ao(s) autor(es).

    Os artigos encaminhados para publicação devem ser digitados em editor de texto Word for Windows (para PC) 6.0 ou superior, fonte Times New Roman, tamanho 12, espaço duplo, papel A4, margens 3,0 cm, podendo ter o mínimo de 20 e máximo de 40 páginas.

    Devem ser acompanhados de um resumo em português (excetuando-se os artigos em inglês e espanhol), título e abstract em inglês, e respeitando o limite máximo de 790 caracteres (sem contar os espaços). Cada um deles com três palavras-chave que permitam a indexação do artigo. Sugerimos consultar os descritores em ciências da saúde (DECS) em http://decs.bvs.br

    Os autores dos artigos devem observar as normas da ABNT na redação e formatação de seus originais. O artigo deverá ser apresentado considerando a seguinte ordenação: a) título do trabalho, centralizado, na primeira linha da folha inicial; b) em nota de rodapé, deve-se inserir, se for o caso, as fontes de financiamento da pesquisa; c) resumo em português (se for o caso) com palavras-chave; d) título, abstract e palavras-chave em inglês; e) o artigo propriamente dito e f) referências.

    Além disso, os autores devem submeter um outro arquivo contendo as seguintes informações: a) nome completo dos autores, titulação, nome da instituição à qual está vinculado(a), nome do grupo de pesquisa em que atua (se for o caso) e endereço eletrônico; b) endereço completo de todos os autores.

    A Revista Licere, a partir de 25/09/2018, aceitará até 2 artigos simultaneamente em processo de avaliação/editoração do mesmo autor/coautor. Caso esse limite seja excedido a(s) nova(s) submissão(ões) será(ão) arquivada(s) antes da avaliação dos pares.

Diretrizes para Autores

Licere é uma revista editada pelo Programa de Pós Graduação Interdisciplinar em Lazer da Universidade Federal de Minas Gerais, de periodicidade trimestral, sem fins lucrativos. Está aberta para receber contribuições de profissionais das mais diferentes áreas de atuação e formação, desde que tenham o intuito de contribuir para o avançar da discussão sobre o Lazer em nosso contexto.

O periódico somente aceita artigos (sejam ensaios, resultados de pesquisa ou reflexões teóricas sobre projetos de intervenção) que não tenham sido enviados a outro periódico (condição para sua aceitação), redigidos em português, inglês, espanhol ou francês.

Processo de Avaliação por pares: para realizar a avaliação por pares cega deve-se tomar os cuidados para não revelar a identidade de autores e avaliadores durante o processo. Assim, os autores de documentodevem excluir do texto seus nomes e notas de rodapé que possam identificá-los. Após o recebimento, o artigo é submetido à apreciação prévia dos editores que julgam a sua adeuqação à política editorial do periódico. Caso decidam pela tramitação, os editores o encaminham para avaliação quanto ao mérito a, no mínimo, dois avaliadores. Os avaliadores podem recomendar a aceitação, recusa ou aprovação com correções obrigatórias. Todos os pareceres elaborados são encaminhados ao(s) autor(es). 

Os artigos encaminhados para publicação devem ser digitados em editor de texto Word for Windows (para PC) 6.0 ou superior, fonte Times New Roman, tamanho 12, espaço duplo, papel A4, margens 3,0 cm, podendo ter o mínimo de 20 e máximo de 40 páginas.

Devem ser acompanhados de um resumo em português (excetuando-se os artigos em inglês e espanhol), título e abstract em inglês, e respeitando o limite máximo de 790 caracteres (sem contar os espaços). Cada um deles com três palavras-chave que permitam a indexação do artigo. Sugerimos consultar os descritores em ciências da saúde (DECS) em http://decs.bvs.br

Os autores dos artigos devem observar as normas da ABNT na redação e formatação de seus originais. O artigo deverá ser apresentado considerando a seguinte ordenação: a) título do trabalho, centralizado, na primeira linha da folha inicial; b) em nota de rodapé, deve-se inserir, se for o caso, as fontes de financiamento da pesquisa; c) resumo em português (se for o caso) com palavras-chave; d) título, abstract e palavras-chave em inglês; e) o artigo propriamente dito e f) referências.

Além disso, os autores devem submeter um outro arquivo contendo as seguintes informações: a) nome completo dos autores, titulação, nome da instituição à qual está vinculado(a), nome do grupo de pesquisa em que atua (se for o caso) e endereço eletrônico; b) endereço completo de todos os autores.

A Revista Licere, a partir de 25/09/2018, aceitará até 2 artigos simultaneamente em processo de avaliação/editoração do mesmo autor/coautor. Caso esse limite seja excedido a(s) nova(s) submissão(ões) será(ão) arquivada(s) antes da avaliação dos pares.

Solicitamos atenção para as observações abaixo:

* Nas referências elaboradas por até três autores, todos deverão ser citados, separados por ponto e vírgula. Nas referências com mais de três autores, citar somente o primeiro autor, seguido da expressão et al.

* Modelos de apresentação de referências bibliográficas

Livros (autoria individual) 
FRIGOTTO, G. Educação e a crise do capitalismo real. 4. ed. São Paulo: Cortez, 2000. 231 p.

Livros (elaborados por até três autores) 
MACHADO, M.  A.; MACHADO, E. C. A.; HÜBNER, D. B. Administração aplicada ao lazer. Brasília: SESI/DN, 2006. 100p.

Livros (com mais de três autores) 
PARANAGUÁ, P. et alBelém Sustentável. Belém: Imazon, 2003.

Capítulos de livros 
OLIVEIRA, F. Neoliberalismo à brasileira. In: GENTILI, P. (Org.). Pós-neoliberalismo: as políticas sociais e o estado democrático. Rio de Janeiro: Paz & Terra, 1995. p. 29-34.

Livro em formato eletrônico 
SÃO PAULO (Estado). Entendendo o meio ambiente. São Paulo, 1999. v. 1. Disponível em:http://www.bdt.org.br/sma/entendendo/atual/htm. Acesso em: 8 mar. 1999.

Artigos de periódicos (com mais de três autores) 
PODSAKOFF, P.M. et al. Transformational leader behaviors and their effects on followers' trust in leader, satisfaction, and organizational citizenship behaviors. Leadership Quarterly, Greenwich, v. 1, n. 2, p. 107-142, 1990.

Teses 
CARVALHO, W.L.P. O ensino das ciências sob a perspectiva da criatividade: uma análise fenomenológica. 1991. 302 f. Tese (Doutorado) - Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 1991.

Artigo de periódico (formato eletrônico) 
AQUINO, J.G.; MUSSI, M.C. As vicissitudes da formação docente em serviço: a proposta reflexiva em debate. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 27, n. 2, p. 211-227, jul. 2001. Disponível em:http://www.scielo.com.br. Acesso em: 14 ago. 2002.

Artigo de jornal assinado 
DIMENSTEIN, G. Escola da vida. Folha de S. Paulo.  São Paulo, 14 jul. 2002. Folha Campinas, p. 2.

Artigo de jornal não assinado 
FUNGOS e chuva ameaçam livros históricos. Folha de S. Paulo, São Paulo, 5 jul. 2002. Cotidiano, p. 6.

Decretos, Leis 
BRASIL. Decreto n. 2.134 de 24 de janeiro de 1997.  Diário Oficial da República Federativa do Brasil,Brasília, 27 jan. 1997. p. 1435-1436.

Constituição federal 
BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil, 1988. Brasília: Senado Federal, Centro Gráfico, 1988. 292p.

Relatório técnico 
CAMPOS, M.H.R.A. A Universidade não será mais a mesma. Belo Horizonte: Conselho de Extensão da UFMG, 1984. 18 p. Relatório.

Trabalho publicado em Anais de Congresso 
PARO, V.H. Administração escolar e qualidade do ensino: o que os pais ou responsáveis têm a ver com isso? In: SIMPOSIO BRASILEIRO DE POLITICA E ADMINISTRAÇÃO DA EDUCAÇÃO, 18, 1997, Porto Alegre. Anais... Porto Alegre: Edipucrs, 1997. p. 303-314.

* Notas de rodapé: os trabalhos citados no texto deverão ser numerados seqüencialmente e sem parênteses. Todas as referências listadas deverão ser citadas no texto. As notas devem ser digitadas em espaço simples, com fonte Times New Roman 10. As notas de rodapé devem ser utilizadas com parcimônia e desde que indispensável.

* Citações no texto: uma citação direta curta de até três linhas, deverá ser inserida no texto, entre aspas dupla. Ex: "Importante ressaltar que [...]" (FRATTUCCI, 2007, p. 1099). Uma citação direta longa com mais de três linhas deve constituir um parágrafo independente recuado da margem esquerda, com fonte tamanho 10 e com o espaço simples entre linhas, dispensando as aspas. A identificação das referências no texto deve ser feita com a indicação do(s) nome(s) do(s) autor(es), ano de publicação e paginação. Exemplo: (GOMES, 1995, p. 225). Se forem dois autores, citam-se ambos, separados por ponto e vírgula; se forem mais de três, cita-se o primeiro autor seguido da expressão et al.

* A exatidão das referências constantes na listagem, a correta citação no texto  e a revisão ortográfica é de responsabilidade do(s) autor(es) dos trabalhos.

* Estudos realizados em humanos devem estar de acordo com os padrões éticos e com o devido consentimento livre e esclarecido dos participantes (reporte-se à Resolução 196/96 do Conselho Nacional de Saúde que trata do Código de Ética para Pesquisa em Seres Humanos). Portanto, quando for o caso, indicar na metodologia do trabalho que o consentimento dos sujeitos foi obtido, bem como a indicação de que o estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da instituição responsável.

Sobre nossa capa

Apresentação de capa de edição da Revista Licere.

Artigos Originais

Composta por trabalhos originais, de natureza empírica, experimental ou conceitual, apresentado em forma de relato de pesquisa. 

Artigos de Revisão

Destinada a textos que objetivam resumir, sintetizar e/ou analisar trabalhos científicos já publicados.

Relatos de Experiências

Relato de Experiências profissionais, concluídas ou em andamento.

Tome Ciência

Publica resumos de monografias concluídas em cursos de Graduação e de pós-graduação.

Fique Por Dentro

Espaço para a divulgação de eventos científicos e/ou artísticos (nacionais e internacionais), cursos, grupos de discussão, listas de discussão on-line, sites e todas iniciativas relacionadas ao Lazer. É uma seção móvel, podendo ou não ser publicada.

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.