Aspectos multilaterais e cooperação sul-sul na Política Exterior do Brasil

  • Haroldo Ramanzini Júnior

Resumo

O objetivo deste trabalho consiste em analisar a dinâmica da política exterior brasileira em relação à OMC, mais especificamente, no âmbito da coalizão G-20. Buscaremos analisar se o status de líder da coalizão corresponderia à tradicional expectativa de uma parte da diplomacia brasileira, compar- tilhada inclusive por outros setores das elites, de tornar o país um ator protagônico no cenário político internacional. Argumentaremos que a política multilateral de Lula da Silva, no âmbito da OMC, apresenta tanto sinais de continuidade, quanto de mudança, em relação às posturas que o Brasil tradicionalmente apresentou no regime GATT/OMC. Por conta da ênfase atualmente conferida iÍs relações Sul-Sul, discu- tiremos as possibilidades e os possíveis limites da articulação entre os países em desenvolvimento. 

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2016-07-02
Seção
Artigos