Delimitação, caracterização e tipologia das veredas do Parque Estadual Veredas do Peruaçu

Autores

  • Thiago Alencar-Silva Universidade Federal de Minas Gerais
  • Philippe Maillard Universidade Federal de Minas Gerais

Palavras-chave:

Veredas, Imagens de Satélite, Dados de Campo, Classificação, Segmentação

Resumo

A presença das veredas justificou a criação do Parque Estadual Veredas do Peruaçu – PEVP na região norte de Minas Gerais. Neste trabalho, uma metodologia é apresentada para delimitação do ambiente de vereda e classificação dos seus estratos fitofisionômicos. Uma nova chave de classificação dos diferentes tipos de veredas é também proposta, uma vez que as veredas do PEVP não são homogêneas. A abordagem metodológica baseia-se em técnicas de processamento digital de imagem de satélite (segmentação e classificação de imagem) e coleta de dados de campo. Os resultados obtidos nesta pesquisa apontam para a delimitação de 58,8% das veredas da região do PEVP e para um sucesso de classificação de seus estratos fitofisionômicos de 73,5%.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thiago Alencar-Silva, Universidade Federal de Minas Gerais

Doutorando em Geografia - IGC/UFMG.

Philippe Maillard, Universidade Federal de Minas Gerais

Professor Adjunto do Departamento de Geografia - IGC/UFMG.

Downloads

Publicado

2011-12-01

Como Citar

Alencar-Silva, T., & Maillard, P. (2011). Delimitação, caracterização e tipologia das veredas do Parque Estadual Veredas do Peruaçu. Revista Geografias, 24–39. Recuperado de https://periodicos.ufmg.br/index.php/geografias/article/view/13317

Edição

Seção

Artigos