Do espaço público de lazer ao espaço público do medo

o caso da Praça Waldemar Henrique na cidade de Belém (PA)

Autores

  • Elcivânia de Oliveira Barreto Universidade Federal do Pará
  • Simão Bossi Santana Universidade Federal do Pará - UFPA

DOI:

https://doi.org/10.35699/2237-549X%20.2020.26580

Palavras-chave:

Espaço Público, Práticas espaciais, Lazer, Medo, Praça Waldemar Henrique

Resumo

Este artigo traz uma breve reflexão acerca do espaço público. Para a compreensão da temática, utilizou-se como estudo de caso a Praça Waldemar Henrique, praça que nos incita a pensá-la enquanto espaço de passagem e do medo, localizada no Bairro do Reduto na cidade de Belém, estado do Pará. Provocados por esse primeiro olhar, buscamos identificar e analisar as práticas espaciais que se desenrolam na praça e as concepções de espaço público daqueles que cotidianamente mantêm uma relação com esse espaço. Para tanto, foram realizadas visitas de campo e entrevistas entre os dias 22 e 24 de setembro e as informações obtidas foram analisadas à luz de estudos e pesquisas de: Serpa (2007), Leite (2004), Jacobs (2000), Souza (2008) e Lefebvre (2016), auxiliando-nos na compreensão do processo que conduziu a Praça Waldemar Henrique por uma trajetória que remonta à sua concepção enquanto espaço voltado ao lazer e manifestações culturais, até o presente que a coloca como um espaço de representação, restringido de práticas espaciais e ações públicas relativas, principalmente, à sua Gestão Governamental.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ARRUDA, E. S. Porto de Belém do Pará: origens, concessão e contemporaneidade. Dissertação (Mestrado em Planejamento Urbano e Regional). Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2003.

DUMAZEDIER, J. Lazer e cultura popular. São Paulo: Perspectiva, 1973.

GUATTARI, F. Espaço e poder: a criação de territórios na cidade. Espaço e Debates: revista de estudos regionais e urbanos, São Paulo, ano V, p.109-120, 1985.

JACOBS, J. Morte e vida de grandes cidades. São Paulo: Martins, 2000.

LEFEBVRE, H. [1972] Espaço e Política: o direito à cidade II. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2016.

LEITE, R. P. Contra-usos da cidade: lugares e espaço público na experiência urbana contemporânea. Campinas, SP: Editora da Unicamp; Aracaju, SE: Editora UFS, 2004.

MASSEY, D. Space, place and gender. Oxford: Polity, 1994.

_______________. Pelo espaço: uma nova política da espacialidade. Rio de Janeiro: Bertrand do Brasil, 2009.

MERGULHÃO, P. A paisagem Amazônica no paisagismo de Belém: caso Parque Naturalístico Mangal das Garças. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Urbano) – Universidade Federal de Pernambuco. Recife, 2009.

SÁNCHEZ, F. Reinvenção das Cidades na Virada de Século: Agentes, Estratégias e Escalas de Ação Política. Revista de Sociologia e Política, n. 16: 31-49, 2001.

SERPA, A. O Espaço Público na Cidade Contemporânea. São Paulo: Editora Contexto, 2007.

SOARES, E. N. (ORG). Largos, coretos e praças de Belém – PA. Brasília, DF: Iphan / Programa Monumenta, 2009.

SOBARZO, O. Espaço Público. In: SPOSITO, E.S. (Org). Glossário de geografia humana e econômica. São Paulo: Editora UNESP, 2017. p.. 187-201.

SOUZA, M. L. Cidades fragmentadas, medo generalizado: das <<áreas de risco>> à <> In: Fobópole: o medo generalizado e a militarização da questão urbana. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2008. p. 51-91.

TASCHNER, G.B. Lazer, cultura e Consumo. RAE. Revista de Administração de Empresas, São Paulo, n.4, 2000.

TRINDADE JR., S-C. C. A cidade dispersa: os novos espaços de assentamentos em Belém e a reestruturação metropolitana. Tese (Doutorado em Geografia Humana) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 1998.

VAINER, C. Pátria, empresa e mercadoria: a estratégia discursiva do Planejamento Estratégico Urbano. In: ARANTES, O.; MARICATO, E.; VAINER, C. B. A cidade do pensamento único: Desmanchando consensos. 8ª ed. 3ª reimp. Rio de Janeiro: Editora Vozes, 2016.

Downloads

Publicado

2020-12-07

Como Citar

de Oliveira Barreto, E., & Santana, S. B. . (2020). Do espaço público de lazer ao espaço público do medo: o caso da Praça Waldemar Henrique na cidade de Belém (PA). Revista Geografias, 28(2), 157–173. https://doi.org/10.35699/2237-549X .2020.26580

Edição

Seção

Artigos