O Estado do Conhecimento em Políticas Públicas de Lazer como Direito e Reconhecimento Social no Brasil

  • Paulo José Cabral Lacerda Universidade Federal de Goiás – Campus Jataí
  • Larissa Michelle Lara Universidade Estadual de Maringá (UEM)

Resumo

O objetivo dessa pesquisa foi analisar a produção de artigos no campo da política pública em lazer no Brasil nas dimensões do direito e do reconhecimento social. Para tanto, foram selecionados 40 artigos coletados junto às bases de dados Lilacs, Scielo e Portal de Periódicos CAPES. Averiguou-se que esse campo de investigação tem sido intensificado com o aumento exponencial das publicações, a partir de 2005, e que a Constituição de 1988 impactou as pesquisas em lazer, bem como as ações ligadas ao governo, especialmente com a criação do Ministério do Esporte. A análise dos artigos evidenciou a existência de lacunas na produção de conhecimento, notadamente em relação ao entendimento de políticas públicas de lazer como direito e reconhecimento social, bem como a maneira esparsa dessa produção, uma vez a dificuldade de se estabelecer diálogo entre os campos acadêmico, político burocrático e societal.

Publicado
2019-09-26
Seção
Artigos Originais