O pseudodilema "Igualdade X Liberdade" segundo Elizabeth Anderson

  • Thiago Augusto Passos Bezerra Universidade Federal do Rio de Janeiro

Resumo

Intentamos nesse artigo mostrar como os argumentos defendidos pela filósofa Elizabeth Anderson em What is the point of Equality? elucidam que o dilema “Igualdade X Liberdade” é falso, por conseguinte, se tratando de um pseudodilema. Os argumentos sustentam o Igualitarismo enquanto uma doutrina imune a essa objeção, imunidade que não se verifica nas duas mais influentes teses do Igualitarismo, o de Recursos e o de Bem Estar. Portanto, nossa abordagem se dará em três partes; primeiro, apresentaremos sucintamente em que consiste a tese geral do Igualitarismo, em dois grupos, a saber; os igualitaristas de Recursos e os de Bem-Estar. Segundo, exporemos as razões que levaram Anderson a denominar essas vertentes do pensamento igualitarista como igualitarismo da sorte. Por fim, cumpriremos nosso objetivo que consiste em tratar dos argumentos que refutam a tese do igualitarismo da sorte mostrando-o injusto, bem como revelando quais argumentos levariam à adesão da tese do igualitarismo democrático como opção alternativa, superando o pseudodilema.

Publicado
2019-08-04