Ser Professor de Física: Representações Sociais na Licenciatura

  • Adriano José Ortiz Instituto Federal do Paraná
  • Carlos Alberto de Oliveira Magalhães Júnior Universidade Estadual de Maringá
Palavras-chave: formação de professores, alunos ingressantes, alunos concluintes

Resumo

Neste trabalho investigamos as Representações Sociais (RS) sobre “ser professor de Física” de ingressantes e concluintes da licenciatura de duas instituições públicas do estado do Paraná. Os dados foram coletados com 54 licenciandos utilizando a evocação livre de palavras e foram organizados em grupos semânticos utilizados para construirmos quadros de quatro casas que possibilitaram identificar o núcleo central e periferia das RS. Nos grupos investigados os elementos do núcleo se concentraram em uma perspectiva tradicionalista e positivista de ensino, apesar da preocupação em desenvolver uma prática reflexiva. Isso permanece nos concluintes, indicando que a formação inicial não influenciou de forma significativa em suas representações, que se aproximam mais do senso comum do que dos conhecimentos científicos referentes à profissão docente.

Biografia do Autor

Adriano José Ortiz, Instituto Federal do Paraná
Licenciado em Física pela Universidade Estadual de Londrina, mestre em Ensino de Ciências pela Universidade Estadual de Londrina e doutorando em Educação para Ciências pela Universidade Estadual de Maringá. Professor EBTT no Instituto Federal do Paraná – campus Ivaiporã. Atua principalmente nos temas: formação de professores, ensino de Física e História e Filosofia da Ciência.
Carlos Alberto de Oliveira Magalhães Júnior, Universidade Estadual de Maringá
Licenciado em Ciências pela Universidade Estadual de Maringá, especialista em educação pela Faculdade Estadual de Ciências e Letras de Campo Mourão, mestre em Ensino de Ciências pela Universidade de São Paulo e Doutor em Ciências pela Universidade Estadual de Maringá. Professor adjunto do departamento de Ciências e do programa de pós graduação em Educação para Ciência e a Matemática na Universidade Estadual de Maringá. Atua principalmente nos temas: formação de professores e representações sociais.
Publicado
2019-06-15
Seção
RELATOS DE PESQUISAS / RESEARCH REPORTS