Conflitos ambientais na Serra do Gandarela, Quadrilátero Ferrífero - MG

mineração x preservação

Autores

  • Breno Ribeiro Marent
  • Wanderson Lopes Lamounier Instituto Federal de Tocantins
  • Bernardo Machado Gontijo Universidade Federal de Minas Gerais

DOI:

https://doi.org/10.35699/2237-549X..13311

Palavras-chave:

Quadrilátero Ferrífero, Serra do Gandarela, Mineração, Unidades de conservação, Preservação do meio ambiente

Resumo

O Quadrilátero Ferrífero é uma região de grande riqueza mineral, na qual seus recursos têm sido explorados durante séculos. Apesar do número significativo de unidades de conservação no seu interior, elas têm sido insuficientes para a conservação do seu meio ambiente. Com a crescente demanda por recursos naturais e, por outro lado, com a redução cada vez maior dos habitats naturais, freqüentemente surgem antagonismos entre exploração e a preservação. Atualmente figura-se em nosso cenário mais uma questão deste tipo. A Serra do Gandarela, uma das últimas áreas no interior do Quadrilátero Ferrífero que ainda se encontram bem preservadas, é alvo de um grande projeto de mineração. Diante disso, esse trabalho tem como objetivo analisar a situação da Serra do Gandarela em seu recente embate entre a sociedade e a implementação deste projeto na área. Procura-se também refletir sobre seu contexto com outras unidades de conservação próximas. Para tal, recorreu-se à análise dos principais trabalhos redigidos e publicados sobre a área no âmbito da perspectiva ambiental. Trata-se de importante patrimônio que precisa ser avaliado sobre todos os ângulos e não apenas pela perspectiva econômica, como tem sido realizado no Quadrilátero Ferrífero ao longo dos últimos tempos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Breno Ribeiro Marent,

IGC/UFMG - Mestrando em Geografia.

Wanderson Lopes Lamounier, Instituto Federal de Tocantins

Professor do IFTO/Campus Araguatins.

Bernardo Machado Gontijo, Universidade Federal de Minas Gerais

IGC/UFMG - Professor Adjunto Departamento de Geografia.

Referências

ALKMIN, F. F. & MARSHAK, S. Transamazonian Orogeny in the Southern São Francisco Craton Region, Minas Gerais, Brazil: evidence for Paleoproterozoic collision and collapse in the Quadrilátero Ferrífero. Precambrian Research. 90: 29-58, 1998.

AMDA – Associação Mineira de Defesa do Ambiente & IEF – Instituto Estadual de Florestas. Identificação de áreas prioritárias para implantação de sistema de áreas protegidas e corredores ecológicos no setor sul da Região metropolitana de Belo Horizonte. Julho, 183 p., 2008.

ARRUDA, R. “Populações Tradicionais” e a proteção dos recursos naturais em Unidades de Conservação. In: Anais do Primeiro Congresso Brasileiro de Unidades de Conservação. Vol. 1, Conferências e Palestras, Curitiba, 1997. p. 262- 276.

BARBOSA, G. V. Superfícies de Erosão no Quadrilátero Ferrífero. São Paulo, Revista Brasileira de Geociências, v.10, p. 89- 101, 1980.

BRASIL. Lei Federal nº 9.985, de 18 de julho de 2000. Regulamenta o art. 225, § 1º, incisos I, II III e IV da Constituição Federal, institui o Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza e dá outras providências, 2000.

BRASIL. Decreto n°6.640, de 7 de novembro de 2008. Dispõe sobre a proteção das cavidades naturais subterrâneas existentes no território nacional, 2008.

CONAMA - Conselho Nacional do Meio Ambiente. Resolução no 357, de 17 de março de 2005. Dispõe sobre a classificação dos corpos de água e diretrizes ambientais para o seu enquadramento, bem como estabelece as condições e padrões de lançamento de efluentes, e dá outras providências, 2005.

CURI, A. Análise Qualitativa da Sustentabilidade Ambiental da Mineração: Mito e Realidade. In: Villas Bôas, R. & C. Beinhoff (eds). Indicadores de Sostentabilidad para la Industria Extractiva Mineral. Rio de Janeiro: CNPq/ CYTED, 2002. p. 41-67.

DRUMMOND, G. M.; MARTINS, C. S.; MACHADO, A. B. M.; SEBAIO, F. A. e ANTONINI, Y. (org.). Biodiversidade em Minas Gerais: Um Atlas para sua Conservação. Belo Horizonte: Fundação Biodiversitas, 222p., 2005.

HAUBER, G. & SOARES, J. Minas Gerais? Empreendimento da Vale ameaça Serra do Gandarela, na região de Caeté. Manuelzão, v.54, 9-8, 2009.

ICMBio – Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade. Proposta de Criação do Parque Nacional Serra do Gandarela. Setembro, 103p., 2010.

LAMOUNIER, W.L.; SALGADO, A.A.R.; CARVALHO, V.L.M & MARENT, B.R. As Correlações entre Geologia e Distribuição da Cobertura Vegetal e Uso do Solo na Serra do Gandarela, Quadrilátero Ferrífero-MG. In: VII Simpósio Nacional de Geomorfologia (II Encontro Latino-Americano de Geomorfologia). Belo Horizonte, 2008.

LAMOUNIER, W. M. Patrimônio natural da Serra do Gandarela e seu entorno: análise ambiental como subsídio para a criação de unidades de conservação no Quadrilátero Ferrífero – Minas Gerais. Dissertação (UFMG), 148 p. 2009.

MINAS GERAIS. Decreto Estadual nº 30.624 de 16 de outubro de 1989. Dispõe sobre a criação da Área de Proteção Ambiental – APA Cachoeira das Andorinhas. Minas Gerais, Belo Horizonte, 1989.

MINAS GERAIS. Decreto Estadual de nº 35624 de 08 de junho de 1994. Dispõe sobre a criação da Área de Proteção Ambiental – APA SUL. Minas Gerais, Belo Horizonte, 1994.

NEGEO – Núcleo de Estudos Geoambientais e Recursos Hídricos. Diagnóstico Ambiental, Zoneamento ecológico econômico e Plano de Manejo da APA Juca Vieira (Caeté/ MG). Belo Horizonte, 32p., 2002.

OLIVEIRA, M.B. Por entre as Serra do Rola-Moça: conflitos e preservação ambiental. Sinapse Ambiental, edição especial, p.87-94, 2008.

PANDEFF, P. A. & SILVA, J. G. Gestão ambiental aplicada a exploração sustentável de recursos naturais em unidades de conservação. V Congresso Nacional De Excelência em Gestão. Niterói - RJ, 2009.

PLASTINO, M.R.; PEREIRA, D.C.; MAIA, M.G.M.; LOPES, D.A. Ecoturismo, cultura e comunidades: reflexões sobre o entorno da RPPN Santuário do Caraça (MG). Revista Brasileira de Ecoturismo, São Paulo, v.3, n.3, p.382-407, 2010.

RIMA – Relatório de Impacto Ambiental. Projeto Mina Apolo. Belo Horizonte, 125p., 2009.

SCALCO; R. F. & GONTIJO; M. G. Mosaico de unidades de conservação: da teoria à prática. O Caso do mosaico de unidades de conservação da APA Cachoeira das Andorinhas – Ouro Preto/MG. Geografias, 5 (2): 75-92, 2009.

SILVA, J.R. & SALGADO, A.A.R. Mapeamento das unidades de relevo da região da Serra do Gandarela, Quadrilátero Ferrífero, MG. Geografias, 5 (2): 107-125, 2009.

VITOUSEK, P.M. Beyond global warming: ecology and global change. Ecology, v. 75, n. 7, p. 1861-1876, 1994.

Downloads

Publicado

2011-01-01

Como Citar

Marent, B. R., Lamounier, W. L., & Gontijo, B. (2011). Conflitos ambientais na Serra do Gandarela, Quadrilátero Ferrífero - MG: mineração x preservação. Revista Geografias, 99–113. https://doi.org/10.35699/2237-549X.13311

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)