Contribuições multidisciplinares para a intervenção do Transtorno Depressivo Maior: Uma revisão integrativa da literatura

  • Leidiane da Silva Caldeira
  • Mônica Vieira de Oliveira
  • Júlia Beatriz Lopes-Silva

Resumo

Introdução: A depressão tem sido uma das principais causas de inabilidade no século XXI, tendo as intervenções medicamentosas e psicológicas como forma de tratamento mais utilizadas. Contudo, esse transtorno acomete múltiplas funções no indivíduo. Objetivo: O presente artigo tem como objetivo articular as contribuições neuropsicológicas, neurobiológicas e psicoterapêuticas para possíveis intervenções no Transtorno Depressivo Maior a partir de uma revisão bibliográfica integrativa. Métodos: Foram pesquisados artigos publicados nos últimos 30 anos, indexados na SCIELO, PUBMED e LILAC. Os artigos foram analisados de acordo com sua relevância e contribuição ao estudo. Resultados: Os achados corroboram a importância de um tratamento mais abrangente. São encontradas intervenções baseadas na Reabilitação Neuropsicológica, Terapia Cognitiva Comportamental e na Farmacologia, que irão propor um tratamento multidisciplinar considerando os aspectos cognitivos, comportamentais e neurobiológicos do paciente. Conclusão: Essas conexões abrem perspectivas para estudos futuros nos quais pesquisas
multidisciplinares poderão auxiliar mais efetivamente no tratamento dos transtornos mentais.


Palavras-chave: Cognição; Reabilitação neuropsicológica; Intervenções psicoterapêuticas, Aspectos neurobiológicos, Transtorno Depressivo Maior

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-08-18
Como Citar
da Silva Caldeira, L., Vieira de Oliveira, M., & Lopes-Silva , J. B. (2020). Contribuições multidisciplinares para a intervenção do Transtorno Depressivo Maior: Uma revisão integrativa da literatura. Mosaico: Estudos Em Psicologia, 7(1), 23-44. Recuperado de https://periodicos.ufmg.br/index.php/mosaico/article/view/24820
Seção
Revisão Crítica de Literatura