De quem é essa música? Influência social e avaliação artística

  • Diogo Araujo de Sousa Universidade Federal de Sergipe, Aracaju-SE, Brasil.
  • Kelyane Oliveira de Sousa Universidade Federal de Sergipe, Aracaju-SE, Brasil
  • Othon Cardoso de Melo Neto Universidade Federal de Sergipe, Aracaju-SE, Brasil
  • Roberta Camara Rocha Menezes Universidade Federal de Sergipe, Aracaju-SE, Brasil

Resumo

Essa pesquisa analisou a forma como o público percebe e avalia uma letra de música quando sua composição é atribuída a um cantor e compositor nacional, regional ou desconhecido, assim como quando ela é atribuída a um homem ou uma mulher. 150 estudantes universitários (73 homens, 77 mulheres) avaliaram a letra de uma música fictícia em termos de quanto gostaram dela, quão bem escrita acharam que ela foi, e se estariam interessados em ouvi-la. Os resultados apontam que letras de música associadas a cantores regionais tiverem uma melhor avaliação que aquelas associadas a cantores desconhecidos, enquanto que as associadas a cantores nacionais não se diferenciaram dos demais grupos. O sexo do cantor não influenciou nos julgamentos. Outro achado foi a tendência das mulheres a gostar mais da letra da música que os homens. Esses resultados são discutidos à luz de alguns modelos de atitude e influência social.

Palavras-chave: Influência social, Música, Avaliação artística, Autoria.

Como Citar
Sousa, D. A. de, Sousa, K. O. de, Neto, O. C. de M., & Menezes, R. C. R. (1). De quem é essa música? Influência social e avaliação artística. Mosaico: Estudos Em Psicologia, 3(1). Recuperado de https://periodicos.ufmg.br/index.php/mosaico/article/view/6258
Seção
Artigos 2007-2013