Adaptação transcultural e validação do “health sciences evidence based practice questionnaire” para o português do Brasil

Autores

DOI:

https://doi.org/10.35699/2316-9389.2023.38648

Palavras-chave:

Prática Clínica Baseada em Evidências, Estudo de Validação, Psicometria, Educação Continuada, Administração de Serviços de Saúde, Qualidade da Assistência à Saúde

Resumo

Introdução: o instrumento “Health Sciences Evidence Based Practice Questionnaire” avalia as diferentes dimensões da construção da prática baseada em evidência como um processo para responder às situações decorrentes da prática clínica diária. Objetivos: adaptar culturalmente o instrumento Health Sciences Evidence Based Practice Questionnaire para a língua portuguesa do Brasil e avaliar suas qualidades psicométricas. Método: Estudo metodológico. A primeira etapa compreendeu o processo de tradução e adaptação transcultural. Na segunda etapa, o instrumento Questionário de Prática Baseada em Evidências e Efetividade Clínica foi aplicado para a validação convergente, utilizando-se o índice de correlação de Pearson, nível de significância 0,05 e realizada Análise Fatorial Confirmatória (AFC), de acordo com o modelo de equações estruturais. A confiabilidade foi avaliada pelo teste-reteste, utilizando o coeficiente de correlação r de Pearson. A consistência interna obtida por meio do coeficiente alpha de Cronbach. Resultados: validade de conteúdo obtida na terceira rodada, título final: Questionário HS-EBP- Prática Baseada em Evidência nas Ciências da Saúde, aplicado em 305 profissionais da saúde. A confiabilidade foi verificada por meio do coeficiente alfa de Cronbach (0,970), similar à versão original, e da estabilidade teste-reteste pelo índice de correlação r de Pearson (r = 0,766) que indicou uma correlação forte. Para a validação convergente foi aplicado o índice de correlação de Pearson (r = 0,683) positivo e com correlação moderada entre os instrumentos. Teste Qui-Quadrado foi significativo (<0,001) para todos os modelos obtidos, em todos os modelos testados. Conclusão: o instrumento mostrou-se válido e confiável para reprodutibilidade na versão brasileira.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Danski MTR, Oliveira GLR, Pedrolo E, Lind J, Johann DA. Importância da prática baseada em evidências nos processos de trabalho do enfermeiro. Ciênc Cuid Saúde [Internet]. 2017[citado em 2020 nov. 1];16(2). Disponível em: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/CiencCuidSaude/article/view/36304

Wachholz PA, Lima SAM, Villas Boas PJF. Da prática baseada em evidências para a saúde coletiva informada por evidências: revisão narrativa. Rev Bras Promoç Saúde [Internet]. 2018[citado em 2020 nov. 1];31(2):1-7. Disponível em: https://doi.org/10.5020/18061230.2017.6753

Rospendowiski K. Adaptação cultural para o Brasil e desempenho psicométrico do instrumento “Evidence-Based Practice Questionnaire” (EBPQ) [Dissertação]. Campinas: Universidade Estadual de Campinas; 2014[citado em 2022 jan. 13]. Disponível em: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/283868

Lacerda RA, Nunes BK, Batista AO, Egry EY, Graziano KU, Angelo M, et al. Práticas baseadas em evidências publicadas no Brasil: identificação e análise de suas vertentes e abordagens metodológicas. Rev Esc Enferm USP. [Internet]. 2011[citado em 2022 jan. 15];45(3):777-86. Disponível em: https://www.scielo.br/j/reeusp/a/mxk6ML9sNfJSDXXPLGRWqJw/abstract/?lang=pt

Boström AM, Sommerfeld DK, Stenhols AW, Kiessling A. Capability beliefs on, and use of evidence-based practice among four health professional and student groups in geriatric care: a cross sectional study. PloS One [Internet]. 2018[citado em 2022 jan. 15];13(2):e0192017. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/29444179/

Fernández-Domínguez JC, Pedro-Gómez JE, Morales-Asencio JM, Bennasar-Veny M, Sastre-Fullana P, Sesé-Abad A. Health Sciences-Evidence Based Practice questionnaire (HS-EBP) for measuring transprofessional evidence-based practice: creation, development and psychometric validation. PloS One [Internet]. 2017[citado em 2021 dez. 22];12(5):e0177172. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/28486533/

Fernández-Domínguez JC, Sesé-Abad A, Morales-Asencio JM, Sastre-Fullana P, Pol-Castañeda S, Pedro-Gómez JE. Content validity of a Health Science Evidence-Based Practice Questionnaire (HS-EBP) with a web-based modified Delphi approach. Int J Qual Health Care [Internet]. 2016[citado em 2022 fev. 10]; 28(6):764-73. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/27655793/

Panczyk M, Belowska J, Zarzeka A, Samoliński Ł, Żmuda-Trzebiatowska H, Gotlib J. Validation study of the Polish version of the Evidence-Based Practice Profile Questionnaire. BMC Med Educ. [Internet]. 2017[citado em 2022 fev. 15];17(1):38. Disponível em: https://bmcmededuc.biomedcentral.com/articles/10.1186/s12909-017-0877-4

Oliveira F, Kuznier TP, Souza CC, Chianca TCM. Aspectos teóricos e metodológicos para adaptação cultural e validação de instrumentos na Enfermagem. Texto & Contexto Enferm. [Internet]. 2018[citado em 2022 jan. 30];27(2):e4900016. Disponível em: https://www.scielo.br/j/tce/a/k3X9PvzsCD6qHLVHvpjYrNL/?format=pdf&lang=pt

Oliveira AF, Hildenbrand LMA, Lucena RS. Adaptação transcultural de instrumentos de medida e avaliação em saúde: estudo de metodologias. Rev Acreditação ACRED. [Internet]. 2015[citado em 2021 nov. 13];5(10):13-33. Disponível em: https://dialnet.unirioja.es/descarga/articulo/5626625.pdf

Guillemin F, Bombardier C, Beaton D. Cross-cultural adaptation of health-related quality of life measures: literature review and proposed guidelines. J Clin Epidemiol. [Internet]. 1993[citado em 2020 nov. 1];46(12):1417-32. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/8263569/

Beaton DE, Bombardier C, Guillemin F, Ferraz MB. Guidelines for the process of cross-cultural adaptation of self-report measures. Spine. [Internet]. 2000[citado em 2020 nov. 1];25(24):3186-91. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/11124735/

Souza AC, Alexandre NMC, Guirardello EB. Propriedades psicométricas na avaliação de instrumentos: avaliação da confiabilidade e da validade. Epidemiol Serv Saúde [Internet]. 2017[citado em 2020 nov. 1];26(3):649-59. Disponível em: https://www.scielo.br/j/ress/a/v5hs6c54VrhmjvN7yGcYb7b/abstract/?lang=pt

Ferreira L, Neves AN, Campana MB, Tavares MCGCF. Guia da AAOS/IWH: sugestões para adaptação transcultural de escalas. Avaliação Psicológica [Internet]. 2014[citado em 2020 nov. 1];13(3):457-61. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/pdf/avp/v13n3/v13n3a18.pdf

Carvalho AB, Garcia JBS, Silva TKM, Ribeiro JVF, Carvalho AB, Garcia JBS, et al. Translation and transcultural adaptation of Pain Quality Assessment Scale (PQAS) to brazilian version. Rev Bras Anestesiol. [Internet]. 2016[citado em 2020 nov. 1];66(1):94-104. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/pdf/avp/v20n2/08.pdf

Cunha CM, Almeida Neto OP, Stackfleth R. Principais métodos de avaliação psicométrica da validade de instrumentos de medida. Rev Aten Saúde [Internet]. 2016[citado em 2020 nov. 1];14(47):75-83. Disponível em: https://seer.uscs.edu.br/index.php/revista_ciencias_saude/article/view/3391

Alexandre NMC, Coluci MZO. Validade de conteúdo nos processos de construção e adaptação de instrumentos de medidas. Ciênc Saúde Colet. [Internet]. 2011[citado em 2020 nov. 1];16(7):3061-8. Disponível em: https://www.scielo.br/j/csc/a/5vBh8PmW5g4Nqxz3r999vrn/?format=pdf&lang=pt

Sousa GS, Perrelli JGA, Mangueira SO, Sougey EB. Validation by experts of Risk of suicide Nursing Diagnosis in the elderly. Rev Bras Enferm. [Internet]. 2019[citado em 2020 nov. 1];72(suppl 2):111-8. Disponível em: https://www.scielo.br/j/reben/a/9hygZqNBwCfNHPtpqxHgNzK/?lang=en

Fehring R. Methods to Validate Nursing Diagnoses. Nursin Faculty Research and publications. [Internet]. 1987[citado em 2020 nov. 1]. Disponível em: https://core.ac.uk/download/pdf/213076462.pdf

Echevarría-Guanilo ME, Gonçalves N, Romanoski PJ. Psychometric properties of measurement instruments: conceptual basis and evaluation methods - Part II. Texto & Contexto Enferm [Internet]. 2019[citado em 2020 nov. 1];28. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S0104-07072019000100401&lng=en&nrm=iso&tlng=em

Rospendowiski K, Alexandre NMC, Cornélio ME. Adaptação cultural para o Brasil e desempenho psicométrico do “Evidence- Based Practice Questionnaire”. Acta Paul Enferm. [Internet]. 2014[citado em 2020 nov. 1];27(5):405-11. Disponível em: https://www.scielo.br/j/ape/a/BZ8GTxYX8SNzpGgcdBjRDLt/?lang=pt&format=pdf

Hospital Sírio-Libanês [Homepage]. [citado em 2020 nov. 1]. Disponível em: https://www.hospitalsiriolibanes.org.br/Paginas/default.aspx

Quemelo PRV, Milani D, Bento VF, Vieira ER, Zaia JE, Quemelo PRV, et al. Health literacy: translation and validation of a research instrument on health promotion in Brazil. Cad Saúde Pública [Internet]. 2017[citado em 2020 nov. 1];33(2). Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S0102-311X2017000204001&lng=en&nrm=iso&tlng=pt

Miot HA, Miot HA. Análise de correlação em estudos clínicos e experimentais. J Vasc Bras. [Internet]. 2018[citado em 2020 nov. 1];17(4):275-9. Disponível em: https://www.scielo.br/j/jvb/a/YwjG3GsXpBFrZLQhFQG45Rb/?lang=pt

Bido DS, Mantovani DMN, Cohen ED, Bido DS, Mantovani DMN, Cohen ED. Destruição de escalas de mensuração por meio da análise fatorial exploratória nas pesquisas da área de produção e operações. Gest Prod. [Internet]. 2018[citado em 2020 nov. 1];25(2):384-97. Disponível em: https://www.scielo.br/j/gp/a/gJjWDhbDKKPfphXJLW4FGNz/?format=pdf&lang=pt

Arquivos adicionais

Publicado

22-03-2023

Como Citar

1.
Schwenck RCB, Domenico EBL de. Adaptação transcultural e validação do “health sciences evidence based practice questionnaire” para o português do Brasil. REME Rev Min Enferm. [Internet]. 22º de março de 2023 [citado 20º de julho de 2024];27. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/reme/article/view/38648

Edição

Seção

Pesquisa