Internações por condições sensíveis à atenção primária em pediatria no distrito federal: um estudo ecológico exploratório

Autores

  • Marina Shinzato Camelo Universidade de Brasília, Departamento de Enfermagem, Brasília DF , Brasil, Universidade de Brasília - UnB, Departamento de Enfermagem, Programa de Pós-Graduação. Brasília, DF - Brasil http://orcid.org/0000-0001-8312-5244
  • Tania Cristina Morais Santa Barbara Rehem Universidade de Brasília, Departamento de Enfermagem, Brasília DF , Brasil, Universidade de Brasília - UnB, Departamento de Enfermagem, Programa de Pós-Graduação. Brasília, DF - Brasil http://orcid.org/0000-0002-4491-1661

DOI:

https://doi.org/10.35699/2316-9389.2019.49721

Palavras-chave:

Hospitalização, Atenção Primária à Saúde, Saúde da Criança

Resumo

Objetivo: caracterizar as hospitalizações de crianças de zero a nove anos por condições sensíveis à atenção primária, em hospital regional no Distrito Federal, entre 2008 e 2017. Método: trata-se de estudo ecológico, exploratório, no qual foram descritas as ICSAPs considerando-se as seguintes variáveis: grupo de causas e diagnósticos, sexo, faixa etária, município de residência, óbitos e custo. Os dados foram coletados por meio do Sistema de Informações Hospitalares do Sistema Único de Saúde, tomando por base a Lista Brasileira de Internações por Condições Sensíveis. Além de caracterizar as ICSAPs segundo as variáveis descritas, foram calculadas as taxas anuais de ICSAP nas faixas etárias de crianças <5 anos e de cinco a nove anos e realizado teste qui-quadrado. Resultados: indicam o total de 7.037 ICSAPs em crianças de zero a nove anos, no período do estudo. As taxas de ICSAP zero a quatro anos aumentaram 35,43% e na faixa etária de cinco a nove anos o aumento foi de 69,56% no período. Asma, pneumonias bacterianas e gastroenterites infecciosas e complicações foram as três primeiras causas que, juntas, somaram 52,51% das internações. O gasto total foi estimado em 2.805.551,53 reais, sendo observado aumento de 10,23% nos gastos, comparando-se o primeiro com o último ano da série. O maior gasto foi com asma, desembolsando 27,93% do total. Conclusão: esse sentido, diminuir as ICSAPs em crianças, é importante tanto para melhorar os níveis de saúde da população, gerindo melhor o sistema, quanto para reduzir gastos hospitalares.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Ministério da Saúde (BR). Portaria nº 2.436, de 21 de setembro de 2017. Aprova a Política Nacional de Atenção Básica, estabelecendo a revisão de diretrizes para a organização da Atenção Básica, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS). Brasília: MS; 2017[citado em 2019 fev. 10]. Disponível em: http://www.brasilsus.com.br/index.php/legislacoes/gabinete-do--ministro/16247-portaria-n-2-436-de-21-de-setembro-de-2017

Morosini MVGC, Fonseca AF, Lima LD. Política Nacional de Atenção Básica 2017: retrocessos e riscos para o Sistema Único de Saúde. Saúde Debate. 2018[citado em 2019 fev. 10];42(116):11-24. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/sdeb/v42n116/0103-1104-sdeb-42-116-0011.pdf

Alfradique ME, Bonolo PF, Dourado I, Lima-Costa MF, Macinko J, Mendonça CS, et al. Internações por condições sensíveis à atenção primária: a construção da lista brasileira como ferramenta para medir o desempenho do sistema de saúde (Projeto ICSAP - Brasil). Cad Saúde Pública. 2009[citado em 2019 fev. 10];25(6):1337-49. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/csp/v25n6/16.pdf

Morimoto T, Costa JSD. Internações por condições sensíveis à atenção primária, gastos com saúde e Estratégia Saúde da Família: uma análise de tendência. Ciênc Saúde Colet. 2017[citado em 2019 fev. 10];22(3):891-900. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/csc/v22n3/1413-8123-csc-22-03-0891.pdf

Costa LQ, Pinto Junior EP, Silva MGC. Tendência temporal das Internações por Condições Sensíveis à Atenção Primária em crianças menores de cinco anos de idade no Ceará, 2000 a 2012. Epidemiol Serv Saúde. 2017[citado em 2019 jan. 13];26(1):51-60. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ress/v26n1/2237-9622-ress-26-01-00051.pdf

Santos LA, Oliveira VB, Caldeira AP. Internações por condições sensíveis à atenção primária entre crianças e adolescentes em Minas Gerais, 1999-2007. Rev Bras Saúde Mater Infant. 2016[citado em 2019 jan. 13];16(2):169-78. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbsmi/v16n2/pt_1519-3829-rbsmi-16-02-0169.pdf

Prezotto KH, Chaves MMN, Mathias TAF. Hospitalizações sensíveis à atenção primária em crianças, segundo grupos etários e regionais de saúde. Rev Esc Enferm USP. 2015[citado em 2019 jan. 03];49(1):44-53. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/reeusp/v49n1/pt_0080-6234-reeusp-49-01-0044.pdf

Nascimento LFC, Marcitelli R, Agostinho FS, Gimenes CS. Análise hierarquizada dos fatores de risco para pneumonia em crianças. J Bras Pneumol. 2004[citado em 2019 jan. 04];30(5):445-51. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/jbpneu/v30n5/v30n5a08.pdf

Cardoso TA, Roncada C, Silva ER, Pinto LA, Jones MH, Stein RT, et al. Impacto da asma no Brasil: análise longitudinal de dados extraídos de um banco de dados governamental brasileiro. J Bras Pneumol. 2017[citado em 2019 jan. 13];43(3):163-8. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/jbpneu/v43n3/pt_1806-3713-jbpneu-43-03-00163.pdf

Mendes EV. As redes de atenção à saúde. Ciênc Saúde Colet. 2010[citado em 2019 jan. 13]; 15(5):2297-305. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/csc/v15n5/v15n5a05.pdf

Ministério da Saúde (BR). Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Doenças respiratórias crônicas. Brasília: MS; 2010[citado em 2019 jan. 13]. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/doencas_respiratorias_cronicas.pdf

Araujo WRM, Queiroz RCS, Rocha TAH, Silva NC, Thumé E, Tomasi E, et al. Estrutura e processo de trabalho na atenção primária e internações por condições sensíveis. Rev Saúde Pública. 2017[citado em 2019 jan. 13];51:75 Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rsp/v51/pt_0034-8910-rsp-S1518-87872017051007033.pdf

Rehem TCMSB, Ciosak SI, Egry EY. Internações por condições sensíveis à atenção primária no hospital geral de uma microrregião de saúde do município de São Paulo, Brasil. Texto Contexto Enferm. 2012[citado em 2019 jan. 13];21(3):535-42. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/tce/v21n3/v21n3a07.pdf

Rudan I, Tomaskovic L, Boschi-Pinto C, Campbell H, WHO Child Health Epidemiology Reference Group. Global estimate of the incidence of clinical pneumonia among children under five years of age. Bull World Health Organ. 2004[citado em 2019 jan. 13];82(12):895-903. Disponível em: https://dx.doi.org/10.2471%2FBLT.07.048769

Pina JC, Moraes SA, Freitas ICM, Mello DF. Papel da Atenção Primária à Saúde na hospitalização de crianças por pneumonia: um estudo casocontrole. Rev Latino-Am Enferm. 2017[citado em 2019 jan. 13];25:e2892. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rlae/v25/pt_0104-1169-rlae-25-e2892.pdf

Jeremias MS. Internações hospitalares por condições sensíveis à atenção primária em Lages (SC), Brasil [dissertação]. Pelotas (RS): Universidade Federal de Pelotas; 2010[citado em 2019 jan. 13]. Disponível em: http://www.epidemio-ufpel.org.br/uploads/teses/dissert%20marici.pdf

Sousa NP, Rehem TCMSB, Santos WS, Santos CE. Internações sensíveis à atenção primária à saúde em hospital regional do Distrito Federal. Rev Bras Enferm. 2016[citado em 2019 jan. 14];69(1):118-25. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/reben/v69n1/0034-7167-reben-69-01-0118.pdf

Moura BLA, Cunha RC, Aquino R, Medina MG, Mota ELA, Macinko J, et al. Principais causas de internação por condições sensíveis à atenção primária no Brasil: uma análise por faixa etária e região. Rev Bras Saúde Mater Infant. 2010[citado em 2019 jan. 14];10(Suppl 1):s83-s91. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbsmi/v10s1/08.pdf

Pinheiro RS, Viacava F, Travassos C, Brito AS. Gênero, morbidade, acesso e utilização de serviços de saúde no Brasil. Ciênc Saúde Colet. 2002[citado em 2019 jan. 14];7(4):687-707. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/csc/v7n4/14599.pdf

Lopes HV, Tavares W. Diagnóstico das infecções do trato urinário. Rev Assoc Med Bras. 2005[citado em 2019 jan. 14];51(6):306-8. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ramb/v51n6/27526.pdf

Botelho JF, Portela MC. Risco de interpretação falaciosa das internações por condições sensíveis à atenção primária em contextos locais, Itaboraí, Rio de Janeiro, Brasil, 2006-2011. Cad Saúde Pública. 2017[citado em 2019 jan. 14];33(3):e00050915. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/csp/v33n3/1678-4464-csp-33-03-e00050915.pdf

Avelino CCV, Goyatá SLT, Nogueira DA, Rodrigues LBB, Siqueira SMS. Qualidade da atenção primária à saúde: uma análise segundo as internações evitáveis em um município de Minas Gerais, Brasil. Ciênc Saúde Colet. 2015[citado em 2019 jan. 14];20(4):1285-93. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/csc/v20n4/pt_1413-8123-csc-20-04-01285.pdf

Ceccon RF, Meneghel SN, Viecili PR. N. Internações por condições sensíveis à atenção primária e ampliação da Saúde da Família no Brasil: um estudo ecológico. Rev Bras Epidemiol. 2014[citado em 2019 jan. 14];17(4):968-77. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbepid/v17n4/pt_1415-790Xrbepid-17-04-00968.pdf

Ministério da Saúde (BR). Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Criança: orientações para implementação. Brasília: MS; 2018[citado em 2019 jan. 14]. Disponível em: http://www.saude.pr.gov.br/arquivos/File/Politica_Nacional_de_Atencao_Integral_a_Saude_da_Crianca_PNAISC.pdf

Cavalcante DM, Oliveira MRF, Rehem TCMSB. Internações por condições sensíveis à atenção primária: estudo de validação do SIH/SUS em hospital do Distrito Federal, Brasil, 2012. Cad Saúde Pública. 2016[citado em 2019 jan. 14];32(3):e00169914. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/csp/v32n3/0102-311X-csp-32-03-e00169914.pdf

Publicado

17-02-2020

Como Citar

1.
Camelo MS, Rehem TCMSB. Internações por condições sensíveis à atenção primária em pediatria no distrito federal: um estudo ecológico exploratório. REME Rev Min Enferm. [Internet]. 17º de fevereiro de 2020 [citado 23º de maio de 2024];23(1). Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/reme/article/view/49721

Edição

Seção

Pesquisa

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.