História de vida e o alcoolismo: representações sociais de adolescentes

Autores

  • Sílvio Éder Dias da Silva Universidade Federal do Pará, Faculdade de Enfermagem ; UFSC UFPa, DINTER , silvioeder@ufpa.br
  • Maria Itayra Padilha Santa Catarina, UFSC, Departamento de Enfermagem , Brasil, padilha@ccs.ufsc.br

Palavras-chave:

Alcoolismo, Álcool Etílico, Adolescente, Enfermagem Psiquiátrica

Resumo

Neste estudo descritivo-qualitativo, utilizou-se a Teoria das Representações Sociais. Os objetivos foram descrever as representações sociais dos adolescentes sobre o alcoolismo e analisar a inserção do alcoolismo na história de vida dos adolescentes. O contexto do estudo foi uma instituição da Prefeitura de Belém-PA e 40 adolescentes constituíram os sujeitos da pesquisa. Para a coleta de dados, utilizou-se a técnica da história de vida. A técnica de análise foi a de conteúdo temático, que chegou a duas categorias: O alcoolismo na história de vida dos adolescentes e Alcoolismo e alcoolistas e suas representações sociais. A inserção da bebida alcoólica no seio familiar e seu uso de forma abusiva foram relevantes para o primeiro contato dos adolescentes com o álcool e outras drogas. No estudo, mostrou-se a relevância de se desvelar o universo dos adolescentes sobre o alcoolismo para favorecer a compreensão deste como fenômeno psicossocial.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

01-03-2011

Como Citar

1.
Silva S Éder D da, Padilha MI. História de vida e o alcoolismo: representações sociais de adolescentes. REME Rev Min Enferm. [Internet]. 1º de março de 2011 [citado 19º de julho de 2024];15(1). Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/reme/article/view/50414

Edição

Seção

Pesquisa

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)