Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir para o rodapé

Dossiê - Pandêmios Politikê: pensamento radical em quarentena?

v. 1 n. 1 (2020): Dossiê - Pandêmios Politikê: pensamento radical em quarentena?

De volta à economia de merda

Enviado
março 30, 2021
Publicado
2021-01-25

Resumo

O texto discute as medidas de isolamento (lockdown) durante a pandemia de COVID-19 como um momento exemplar para debater o sentido da economia. O isolamento provou que uma grande parcela dos trabalhos que as pessoas desenvolvem são inúteis e não fazem falta, sendo, logo, “trabalhos de merda” (bullshit jobs). Ao mesmo tempo, os trabalhos que envolvem diretamente cuidar de outras pessoas se mostram essenciais, embora sejam aqueles de mais baixa remuneração. Essa constatação é um risco à burocracia corporativa e estatal criada para permitir uma apropriação privada da riqueza e que sustenta a existência dos “trabalhos de merda”. Por isso, é necessário retomar “a economia” rapidamente, mesmo que ela seja uma economia inútil, ou de merda (bullshit economy). Finalmente, questiona-se se a definição de economia pela noção de produtividade não seria uma ideia já ultrapassada.

Downloads

Não há dados estatísticos.