CONFIGURAÇÕES DA DOCÊNCIA EM UMA UNIVERSIDADE PÚBLICA NO BRASIL E NA ARGENTINA / Teacher configuration at public universities of Brasil and Argentina

  • Maria José Batista Flores Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
  • Ângela I. Loureiro de Freitas Dalben Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
Palavras-chave: Docência universitária, Profissionalidade, América Latina, University teaching, Professionalism, Latin America

Resumo

Este artigo apresenta como objeto de estudo uma análise comparada da docência em uma universidade pública no Brasil e na Argentina a partir de dados da faixa etária e das condições de trabalho dos professores. Discute-se as configurações assumidas pela docência nestas universidades baseando-se na compreensão da educação superior como bem público e a profissionalidade docente estabelecida nesse processo. Considerando as transformações recentes no âmbito das universidades públicas da Argentina (as universidades nacionais) e do Brasil (as universidades federais), e reconhecendo as especificidades da constituição delas nos diferentes países, selecionou-se duas universidades com proximidades em termos de capacidade de atendimento e projeção no cenário acadêmico. Nesse contexto, realizou-se a pesquisa com 373 professores argentinos e 104 professores brasileiros, por meio de questionário e entrevistas semiestruturadas. Os resultados apontam uma disparidade de condições entre os docentes das duas universidades que podem ser compreendidos mediante uma leitura sócio-histórica do arranjo da educação superior nos respectivos países e suas influências sobre a universidade e, consequentemente, sobre a profissionalidade docente.

ABSTRACT

This article deals with a comparative analysis of teaching work at public universities of Brazil and Argentina taking into account data related to age groups and to working conditions of the professors. The way teaching work has been configured­­ in these universities is discussed on the basis of considering higher education as a public good, and teaching profession being subjected to such a process. Both universities were selected in view of the similarities as to the logistics of the institutions as well as their projection into the academic community. Also they have been analyzed under the light of the recent reforms of public universities of Argentina (national universities) and Brazil (Federal universities). In this research, 373 Argentines professors and 104 Brazilian professors were subjected to questionnaires and semi structured interviews. It has been found differentiated teaching conditions between the professors of both universities that can be appraised through a socio-historical reading of the organization of Higher Education in each country, its influences on universities and, therefore, teacher´s professionalism. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria José Batista Flores, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

Departamento de Métodos e Técnicas de Ensino da Faculdade de Educação da UFMG.

Ângela I. Loureiro de Freitas Dalben, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

Professora Associada aposentada da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais

Publicado
2019-12-11
Como Citar
FLORES, M. J. B.; DALBEN, ÂNGELA I. L. DE F. CONFIGURAÇÕES DA DOCÊNCIA EM UMA UNIVERSIDADE PÚBLICA NO BRASIL E NA ARGENTINA / Teacher configuration at public universities of Brasil and Argentina. Trabalho & Educação - ISSN 1516-9537 / e-ISSN 2238-037X, v. 28, n. 3, p. 69-85, 11 dez. 2019.
Seção
ARTIGOS