“SABERES DE PRUDÊNCIA”

UM NOVO OLHAR SOBRE A FORMAÇÃO DE TRABALHADORES DA CONSTRUÇÃO CIVIL

Autores

DOI:

https://doi.org/10.35699/2238-037X.2021.34219

Palavras-chave:

Construção Civil, Saberes de prudência, Desenvolvimento local

Resumo

A presente dissertação objetiva compreender como os chamados “saberes de prudência” -  experiências e saberes acumulados ao longo de anos de atividade profissional dos trabalhadores da construção civil podem contribuir para a diminuição dos acidentes no setor. Embora a legislação preconize o uso de equipamentos de proteção individual e treinamentos de segurança do trabalho, os trabalhadores desenvolvem outras formas de seguridade, utilizando um conhecimento implícito, construído ao longo da vida profissional e compartilhado no ambiente de trabalho...

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Elenice Maria Oliveira Antunes, Centro Universitário UNA

Doutora e Mestre em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas), Graduada em Arquitetura e Urbanismo (bacharel) e História (bacharel e licenciada) pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas). Pesquisadora vinculada ao grupo de pesquisa Perspectiva Pictorum -FAFICH/UFMG, grupo dedicado ao estudo interdisciplinar (arquitetura, história social da cultura e história da arte) da produção da pintura de “falsa arquitetura” produzida no Brasil entre os séculos XVIII e XIX. Professora dos cursos de Arquitetura e Urbanismo e Relações Internacionais no Centro Universitário de Belo Horizonte (2005-2020). Professora e Pesquisadora vinculada ao Programa de Pós-graduação - Mestrado Profissional de Gestão Social, Educação e Desenvolvimento Local - no Centro Universitário UNA.

Downloads

Publicado

2021-09-20

Como Citar

ANTUNES, E. M. O. “SABERES DE PRUDÊNCIA”: UM NOVO OLHAR SOBRE A FORMAÇÃO DE TRABALHADORES DA CONSTRUÇÃO CIVIL. Trabalho & Educação, Belo Horizonte, v. 30, n. 2, p. 229–230, 2021. DOI: 10.35699/2238-037X.2021.34219. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/trabedu/article/view/34219. Acesso em: 3 dez. 2021.

Edição

Seção

RESUMOS