ECONOMIA POPULAR SOLIDÁRIA: OS PROCESSOS FORMATIVOS POPULARES E A CONSTRUÇÃO DE UMA NOVA CULTURA DO TRABALHO

Autores

  • Laurenicio Mendes da Silva UFMG
  • Antonio Júlio de Menezes Neto UFMG

Palavras-chave:

Economia popular, Cultura popular, Processos formativos populares

Resumo

O estudo se propôs analisar a formação humana no processo de trabalho e as implicações das práticas educativas vinculadas ao processo produtivo autogestionário na Economia Popular Solidária, buscando compreender de que modo contribuem para a construção, disseminação e fortalecimento de uma nova cultura do trabalho.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2010-05-19

Como Citar

SILVA, L. M. da; MENEZES NETO, A. J. de. ECONOMIA POPULAR SOLIDÁRIA: OS PROCESSOS FORMATIVOS POPULARES E A CONSTRUÇÃO DE UMA NOVA CULTURA DO TRABALHO. Trabalho & Educação, Belo Horizonte, v. 17, n. 1, p. 189–189, 2010. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/trabedu/article/view/8579. Acesso em: 15 abr. 2024.

Edição

Seção

RESUMOS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.