EDUCAÇÃO, CULTURA E ECONOMIA SOLIDÁRIA: A EXPERIÊNCIA DOS TRABALHADORES DO BANCO NASCENTE / Education, culture and solidarity economy: the experience of workers of Nascente Bank

Autores

  • Diogo Marques Tafuri Universidade Federal de São Carlos
  • Luiz Gonçalves Júnior Universidade Federal de São Carlos

Palavras-chave:

Processos Educativos. Gestão de Banco Comunitário. Economia Solidária.

Resumo

O presente trabalho teve por objetivo investigar os processos educativos decorrentes da prática social da gestão do Banco Comunitário Nascente, empreendimento de Economia Solidária localizado em um bairro de periferia urbana da cidade de São Carlos/SP. Deste modo, partimos do entendimento de que as diversas práticas sociais levadas à cabo por pessoas e grupos acabam por promover a própria formação humana para a vida em sociedade, tomando-as dentro do contexto das relações materiais e simbólicas que estruturam uma realidade social e cultural comum. No tocante à análise dos dados, utilizamos técnicas de pesquisa inspiradas na fenomenologia, as quais nos permitiram interpretar as descrições sistematicamente registradas em diários de campo à luz das questões levantadas pela pesquisa. As categorias de análise constituídas referiram-se à autonomia dos trabalhadores do Banco Nascente para executarem as atividades requeridas em seu trabalho de agentes de crédito e às relações de reciprocidade por eles percebidas, em sua presença ou em sua ausência, no bojo da gestão coletiva do trabalho. A discussão de tais categorias revelaram que os trabalhadores do empreendimento solidário aprenderam a relacionar e confrontar os princípios normativos da Economia Solidária à sua própria prática de trabalho, bem como a perceberem e questionarem as condições epistemológicas em que se manifestaram os limites e as possibilidades de sua atuação individual e coletiva na gestão de um banco comunitário.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Diogo Marques Tafuri, Universidade Federal de São Carlos

Bacharel em Ciências Sociais pela Universidade de São Paulo (2007) e Mestre em Educação pela Universidade Federal de São Carlos (2014).

Luiz Gonçalves Júnior, Universidade Federal de São Carlos

Professor Associado do Departamento de Educação Física e Motricidade Humana da Universidade Federal de São Carlos (DEFMH/UFSCar) desde 1995. É Coordenador do Curso de Especialização em Educação Física Escolar (lato-sensu) da UFSCar; Coordenador do Núcleo de Estudos de Fenomenologia em Educação Física (NEFEF) desde 1996; Preceptor do Programa de Educação pelo Trabalho para a Saúde (PET-Saúde); Sócio-Fundador, Pesquisador e membro da Diretoria da Sociedade de Pesquisa Qualitativa em Motricidade Humana (SPQMH); Coordenador Adjunto da Cátedra Joel Martins. É também professor e orientador credenciado do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) da UFSCar desde 2002. Desenvolve pesquisa nas linhas Práticas Sociais e Processos Educativos e Estudos Socioculturais do Lazer.

Downloads

Arquivos adicionais

Publicado

2015-12-11

Como Citar

TAFURI, D. M.; GONÇALVES JÚNIOR, L. EDUCAÇÃO, CULTURA E ECONOMIA SOLIDÁRIA: A EXPERIÊNCIA DOS TRABALHADORES DO BANCO NASCENTE / Education, culture and solidarity economy: the experience of workers of Nascente Bank. Trabalho & Educação, [S. l.], v. 24, n. 1, p. 31–50, 2015. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/trabedu/article/view/9409. Acesso em: 8 mar. 2021.