TRAGEDIA, ACTUALIDAD, UTOPÍA. A PROPÓSITO DE LAS CONTROVERSIAS ENTRE EL JOVEN LUKÁCS Y EL JOVEN BLOCH / Tragedy, presente time, utopia. About the controversies between the young Lukács and the young Bloch

Autores

  • Miguel Vedda Universidad de Buenos Aires (UBA)

Resumo

A reconhecida amizade entre György Lukács e Ernst Bloch já trazia, em si, os elementos que sustentariam, alguns anos depois da aproximação, o rompimento entre os filósofos. Se, inicialmente, as afinidades superavam as divergências nas construções teóricas de cada um, já não foram suficientes para manter por muito tempo os dois amigos no mesmo caminho. A exemplo das discordâncias registradas, tem-se o posicionamento de Bloch a respeito dos filósofos, que, para ele, deveriam manter suas lutas políticas restritas ao trabalho teórico. Por outro lado, Lukács ressaltava a importância do comprometimento, também de maneira prática, com a política e seus desdobramentos. A ideia de desenvolver uma ontologia marxiana, interseção que marcou as obras dos então amigos, não foi capaz de manter alinhadas as propostas de superação da existência alienada identificada tanto nos registros blochianos quanto lukacsianos e o distanciamento entre os filósofos era acentuado à medida que as perspectivas teóricas de cada um se tornavam públicas e ganhavam notoriedade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Miguel Vedda, Universidad de Buenos Aires (UBA)

Doutor em Letras pela Universidad de Buenos Aires (UBA). Professor Titular de Literatura Alemã da Facultad de Filosofía y Letras (FFyL) da UBA, Pesquisador do Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas (CONICET).

Downloads

Publicado

2015-12-11

Como Citar

VEDDA, M. TRAGEDIA, ACTUALIDAD, UTOPÍA. A PROPÓSITO DE LAS CONTROVERSIAS ENTRE EL JOVEN LUKÁCS Y EL JOVEN BLOCH / Tragedy, presente time, utopia. About the controversies between the young Lukács and the young Bloch. Trabalho & Educação, [S. l.], v. 24, n. 1, p. 131–142, 2015. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/trabedu/article/view/9416. Acesso em: 8 mar. 2021.