GESTÃO PARA RESULTADOS E AÇÕES DE CONTROLE NA POLÍTICA EDUCACIONAL PAULISTA

Autores

Palavras-chave:

política educacional, controle do currículo, gestão para resultados, gestão democrática, internacionalização das políticas

Resumo

Na perspectiva da internacionalização dos modos de regulação das políticas educacionais e da gestão escolar, recorrendo a autores como Akkari (2011), Afonso (2013) e Paro (2012), o objetivo do artigo é discutir a política educacional paulista no período entre 2007 e 2018, para tanto apresenta uma análise da concepção de gestão na agenda da política educacional da rede estadual de São Paulo, por meio de pesquisa qualitativa sobre fonte documental de programas vigentes desde 2007: Ler e Escrever, Qualidade da Escola e São Paulo Faz Escola, elaborados pela Secretaria de Estado da Educação de São Paulo. As iniciativas foram justificadas com a narrativa de melhoria da qualidade do ensino, circunscrita a resultados em avaliação externa e caracterizam-se por um processo de controle do trabalho pedagógico com a introdução de materiais hiperestruturados em todas as etapas de ensino, elaborados com arranjos público-privado, associação entre metas de índices, desempenho de estudantes em avaliação externa e remuneração por bonificação e papel de professor coordenador como executor do currículo sob moldes técnicos e padronizados. As pretensas melhorias anunciadas evidenciam a gestão para resultados pautada pelo controle de modo centralizado em contraposição à previsão da participação ativa da comunidade e a gestão democrática do ensino.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cileda dos Santos Sant’Anna Perrella, Professora e coordenadora do curso de Pedagogia da Faculdade Zumbi dos Palmares

Doutora em Educação pela Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo (USP). Professora e coordenadora do curso de Pedagogia da Faculdade Zumbi dos Palmares. São Paulo, São Paulo (SP), Brasil. <cileda.perrella@gmail.com>

Felipe Alencar, Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo

Mestrando em Educação pela Faculdade de Educação da USP. Professor da Faculdade Zumbi dos Palmares e da Prefeitura Municipal de São Bernardo do Campo. São Paulo, São Paulo (SP), Brasil. <felipealencar@usp.br>

Publicado

2022-05-06

Edição

Seção

Artigos