PERSPECTIVA DE ENFERMEIRAS DA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA SOBRE AS ORIENTAÇÕES POLÍTICO-PEDAGÓGICAS DA GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM

Autores

Palavras-chave:

´currículo, educação em enfermagem, ensino, sistema único de saúde

Resumo

O presente estudo tem por objetivo entender a perspectiva de enfermeiras(os) que atuam no SUS sobre as orientações político-pedagógicas da graduação em Enfermagem. Trata-se de pesquisa qualitativa desenvolvida, especificamente, com treze enfermeiras(os) da Estratégia de Saúde da Família. Foi utilizado um roteiro de entrevista semiestruturado elaborado pelos autores da pesquisa, composto por dados preliminares de caráter sociodemográfico e questões abertas sobre o processo de formação, seus fundamentos, objetivos e rumos possíveis. O material das entrevistas, transcrito literalmente, foi submetido a uma análise temática com base no materialismo histórico. Nove núcleos categoriais foram identificados, distribuídos em três áreas temáticas, a saber: percepções sobre o processo de formação, específico e geral; relação entre o ensino de Enfermagem e o serviço de saúde; objetivos da formação em Enfermagem. Um elemento transversal às áreas temáticas reside na orientação da formação para o mercado de trabalho, embora, muitas vezes, presente de forma velada nos instrumentos formais que regem a formação. Apesar disso, o processo é dialético, abrindo possibilidades de crítica e transformação a partir das demandas eminentes da realidade e vivências dos sujeitos nela implicados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adriana Maria Adrião dos Santos, CEPROAL

Graduada em enfermagem pela Universidade Federal de Alagoas (2020). Atua na unidade sentinela de combate à Covid-19 em Arapiraca/AL e como professora no curso técnico de Enfermagem no CEPROAL.

Prof. Diego Souza, Universidade Federal de Alagoas

Enfermeiro, mestre e doutor em Serviço Social. Professor do Programa de Pós-Graduação em Ensino e Formação Profissional, do Programa de Pós-graduação em Serviço Social e da graduação em Enfermagem, todos da UFAL. Sua trajetória de estudo das obras de Marx, Lukács e Mészáros rem possibilitado transitar por uma considerável variedade de áreas do conhecimento, mas sempre envolvendo a saúde.

Publicado

2021-12-10

Edição

Seção

Artigos