Alfabetização Científica e Criança: Análise das Potencialidades de uma Brinquedoteca

  • Amanda Cristina Teagno Lopes Marques Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) - Câmpus São Paulo http://orcid.org/0000-0001-5418-2004
  • Martha Marandino Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo (FEUSP)
Palavras-chave: Alfabetização Científica, Criança, Brinquedoteca

Resumo

Neste artigo analisamos o potencial de uma brinquedoteca na promoção da alfabetização científica (AC) de crianças. Para a produção de dados, realizamos observação e registro, além de entrevista com a professora responsável pela criação do espaço. A análise foi realizada com base na ferramenta teórico-metodológica de indicadores e atributos de alfabetização científica. Como principais referenciais teóricos destacamos discussões sobre alfabetização científica, infância e brincar/brinquedo. Concluímos que a brinquedoteca, ao inserir em seu espaço áreas e objetos que remetem a temas científicos, pode contribuir para o processo de AC de crianças, possibilitando a aproximação entre culturas infantis e elementos da cultura científica.

Biografia do Autor

Amanda Cristina Teagno Lopes Marques, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) - Câmpus São Paulo
Pedagoga, mestre e doutora em Educação pela Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo
Publicado
2019-06-15
Seção
RELATOS DE PESQUISAS / RESEARCH REPORTS