Arqueologia da alimentação no Mundo Moderno: consumo de comida-bebida entre os foqueiros, lobeiros e baleeiros na Antártica

Autores

  • Fernanda Codevilla Soares

Palavras-chave:

arqueologia da alimentação, bebidas, foqueiros, Antártica, século XIX

Resumo

Este artigo tem por objetivo principal apresentar, de forma introdutória, como a Arqueologia tem digerido suas análises sobre as práticas alimentares ao longo do tempo. Nesse sentido, é realizada uma discussão acerca dos conceitos básicos que temperam uma Arqueologia da Alimentação (fundamentada em aportes socioculturais), e é exibido um cardápio no qual se faz uma revisão dos principais trabalhos desenvolvidos divididos em quatro cobertas, são elas: dieta, sobrevivência, significados da comida e experiência alimentar. Ao final, discute-se as pesquisas realizadas pelo LEACH-UFMG, coordenadas pelo prof. dr. Andres Zarankin, nas quais se pretende analisar o consumo de comidas-bebidas entre os grupos foqueiros, lobeiros e baleeiros da Antártica do século XIX.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-09-27

Como Citar

Soares, F. C. (2019). Arqueologia da alimentação no Mundo Moderno: consumo de comida-bebida entre os foqueiros, lobeiros e baleeiros na Antártica. Revista Geografias, 26, 9–22. Recuperado de https://periodicos.ufmg.br/index.php/geografias/article/view/15334