Fenomenologia, ontologia e metafisica em Edith Stein

  • Angela Ales Bello Pontificia Università Lateranense
Palavras-chave: Edith Stein; fenomenologia; ontologia; metafísica

Resumo

No presente artigo busca-se estabelecer a relação entre fenomenologia, ontologia e metafísica em Edith Stein. Para tanto, examina-se sua tomada de posição na controversa discussão sobre idealismo e realismo, particularmente a partir de sua original hamonização entre a filosofia de seu mestre Edmundo Husserl e a de Tomás de Aquino. Examina-se a explicitação de Stein das diferentes ontologias dos dois autores de referência, considerando particularmente o estatuto da existência, da essência e do transcendental.

 

Biografia do Autor

Angela Ales Bello, Pontificia Università Lateranense
Doutora em Filosofia, professora emérita de História da Filosofia na Pontificia Università Lateranense em Roma, Itália. É Presidente do “Centro Italiano di Ricerche Fenomenologiche” - filiado a “The World Phenomenology Institute” (E.U.A.) - e da “Associazione Italiana Edith Stein”. Faz parte do comitê de redação de numerosas revistas internacionais, dentre as quais “Phenomenological Inquiry” (E.U.A). Suas publicações se referem à relação entre fenomenologia alemã e outras correntes do pensamento contemporâneo na perspectiva histórica e teorética. É co-editora da tradução italiana da Obras Completas de Edith Stein.

Referências

Ales Bello, A. (1985).Husserl: sul problema di Dio.Roma: Studium.

Ales Bello, A. (2005). Edmund Husserl: pensare Dio, credere in Dio. Padova, Itália: Messaggero di Padova.Ales Bello, A. (2010a). Edith Stein o dell’armonia:esistenza, pensiero, fede. Roma:Studium.

Ales Bello, A. (2010b). L‟impossibile reductio ad unum dell‟essere umano. Archivio di Filosofia, 1,217-229.

Ales Bello, A. (2011).Fenomenologia e ontologia. EmA. Ales Bello, F. Alfieri&M. Shahid (Org.s). Edith Stein, Hedwig Conrad Martius, Gerda Walther: fenomenologia della persona, della vita e della comunità(pp. 17-66). Bari, Itália:Giuseppe Laterza.

Ales Bello,A.(2013). Il senso delle cose:per un realismo fenomenologico.Roma: Castelvecchi.

Basti, G. (2011). Ontologia formale: Tommaso d‟Aquino e Edith Stein. Em A. Ales Bello, F. Alfieri&M. Shahid (Org.s).Edith Stein,Hedwig Conrad Martius,Gerda Walther: fenomenologia della persona, della vita e della comunità(pp. 107-385). Bari, Itália: Giuseppe Laterza.

Husserl, E. (1973a). Ding und Raum:Vorlesungen 1907 (Husserliana, Vol. XVI). The Hague, Holanda: Martinus Nijhoff. (Originais de 1907).

Husserl, E. (1973b). Teleologie. Em E. Husserl.Zur Phanomenologie der Intersubjektivitat : Texte aus dem Nachlass; 3(p. 386). (Husserliana, Vol. XV). (I. Kern, Org.). Dordrecht, Holanda: Martinus Nijhoff. (Originais de 1929-1935).

Husserl, E. (1973c). Zur Phänomenologie der Intersubjektivität:texte aus dem Nachlass (Husserliana, Vol. XIV). (I. Kern, Org.). The Hague, Holanda: Martinus Nijhoff. (Originais de 1921-1928).

Husserl, E. (1986). Vorlesungen über Bedeutungslehre: Sommersemester 1908(Husserliana, Vol. XXVI). The Hague, Holanda: Martinus Nijhoff. (Originais de 1908).Husserl,E. (1997).Meditazioni cartesiane e i discorsi parigini(F. Costa, Trad.). Milano: Bompiani. (Original publicado em 1931).

Husserl, E. (2002).Idee per una fenomenologia pura e per una filosofia fenomenologica; v.I. (E. Filippini, Trad.; V. Costa, Org.). Torino, Itália: Einaudi. (Original publicado em 1913).

Stein, E. (1999a). Essere finito e Essere eterno: per un’elevazione al senso dell’essere (4a ed.). (L.Vigone, Trad.; A. Ales Bello, Apres.). Roma: Città Nuova. (Originais de 1936, publicação póstuma em 1950).

Stein, E. (1999b.). La fenomenologia di Husserl e la filosofia di san Tommaso d‟Aquino: tentativo di confronto. Em E. Stein. La ricerca della verità: dalla fenomenologia alla filosofia cristiana(3a ed.; pp. 61-90). (A. A. Bello, Trad.) Roma: Città Nuova. (Original publicado em 1929).

Stein, E. (2003). Potenza e atto: studi per una filosofia dell’essere(A. Caputo, Trad.; A. Ales Bello, Pref.). Roma: Città Nuova. (Originais de 1931, publicação póstuma em 1998).

Publicado
2015-10-24
Como Citar
Ales Bello, A. (2015). Fenomenologia, ontologia e metafisica em Edith Stein. Memorandum: Memória E História Em Psicologia, 29, 194-207. Recuperado de https://periodicos.ufmg.br/index.php/memorandum/article/view/6477
Seção
Artigos