Relações interdisciplinares entre a Ciência da Informação e a Ciência da Comunicação: uma análise a partir de citações, formação das bancas e palavras-chave das teses das áreas

Autores

  • João de Melo Maricato Universidade de Brasília (UNB). Faculdade de Ciência da Informação (FCI).
  • Filipe Reis Universidade Federal de Goiás (UFG). Faculdade de Informação e Comunicação (FIC)

Resumo

Estuda relações interdisciplinares nas e entre as áreas de Ciência da Informação e da Ciência da Comunicação, discutindo as mudanças de paradigmas que têm acontecido nessas disciplinas. Analisa as relações interdisciplinares com métodos bibliométricos e cientométricos, especificamente análises de coocorrência e cocitação. Coletou-se dados de teses de 4 programas de pós-graduação brasileiros (10 teses de cada um dos programas) e analisou-se relações entre as citações, entre a titulação da banca e entre as palavras-chave, com intuito de identificar coocorrênicas e, consequentemente, relações interdisciplinares nas e entre as duas áreas. Constatou-se que existem fortes relações quanto à análise de cocitação; grande variedade de formações dos membros das bancas e relativamente alta coocorrência destas entre as áreas, porém, mais intensas na área de Ciência da Informação e com mais interesse desta na área Ciência da Comunicação; não foram identificadas relações entre as duas áreas por meio da análise de coocorrência de palavras-chave. Conclui-se que ambas as áreas possuem características fortemente interdisciplinares, no entanto, são mais intensas da área de Ciência da Informação do que da Ciência da Comunicação, havendo mais interesse da primeira área na segunda.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

João de Melo Maricato, Universidade de Brasília (UNB). Faculdade de Ciência da Informação (FCI).

Pós-doutorado na Universidade de Brasília com tutoria da Profa. Dra. Suzana Pinheiro Machado Mueller. Realizou atividades de pesquisa na Universidade da Califórnia (UCR). Doutor em Ciência da Informação pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo - ECA/USP (2010), onde recebeu o Prêmio Tese destaque USP da área de Ciências Sociais Aplicadas. Bacharel em Biblioteconomia e Ciência da Informação pela Universidade Federal de São Carlos - UFSCar (2002). Editor da revista Comunicação & Informação. Revisor dos periódicos Revista Ibero-Americana de Ciência da Informação, Anales de Documentación, Transinformação, Revista em Questão, Brazilian Journal of Information Science: Research Trends e Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação. Avaliador ad hoc da Editora da Universidade de São Paulo. Professor adjunto da FCI/UNB. Professor do Programa de Pós-Graduação: Mestrado em Comunicação. Coordenador do curso de Especialização em Gestão e Avaliação da Informação na mesma universidade. Atua, especialmente, nas áreas de Tecnologias de Informação e Comunicação aplicadas à Comunicação & Informação, Comunicação e divulgação da ciência, Construção de indicadores, Métodos e Técnicas Bibliométricas e Cientométricas, estudo de relações entre Ciência e Tecnologia, avaliação de Programas de Pós-Graduação, Estudos interdisciplinares, Sociedade da Informação e Informação, comunicação e Cidadania.

Filipe Reis, Universidade Federal de Goiás (UFG). Faculdade de Informação e Comunicação (FIC)

Mestrando em Comunicação, Mídia e Cidadania pelo o Programa de Pós-graduação em Comunicação (PPGCOM) da Faculdade de Informação e Comunicação (FIC) da Universidade Federal de Goiás(UFG). Bacharel em Biblioteconomia pela FIC-UFG. Fui membro da equipe de Educação a Distância(EAD) da Faculdade de Artes Visuais(FAV) da UFG. Tenho experiência na área de biblioteconomia aplicada à EAD, com ênfase em gestão de informação administrativa e pedagógica. Implantei e prestei serviços de referência virtual aos professores, alunos e técnicos administrativos da EAD-FAV. Fui monitor na disciplina Linguagens Documentárias no Curso de Biblioteconomia da FIC-UFG. Atualmente, estou como bolsista da CAPES, sou pesquisador do grupo LUMUS (Pesquisas em comunicação científica) e tutoro na pós-graduação lato sensu em Letramento Informacional: educação para a informação ofertada pela FIC-UFG, por meio do programa Universidade Aberta do Brasil (UAB-CAPES). Além disso, tenho interesse em comunicação científica, divulgação da ciência, epistemologia e interdisciplinaridade da Ciência da Informação e da Ciência da Comunicação.

Downloads

Publicado

2017-03-30

Edição

Seção

Artigos