Ferramentas para mediação de fontes de informação: avaliação sobre seus usos em bibliotecas universitárias nacionais e internacionais

Autores

  • Valéria Aparecida Moreira Novelli Universidade Estadual Paulista/Instituto de Química
  • Wanda Aparecida Machado Hoffmann Universidade Federal de São Carlos/Departamento de Ciência da Informação
  • Luciana de Souza Gracioso Universidade Federal de São Carlos/Departamento de Ciência da Informação

Palavras-chave:

Bases de dados bibliográficas, Bibliotecas universitárias, Fontes de informação, Mediação da informação

Resumo

A pesquisa relata o uso de ferramentas para mediação de fontes de informação por bibliotecas universitárias nacionais e internacionais. O estudo foi de caráter exploratório e utilizou análise de conteúdo, com abordagem quantitativa e qualitativa, de websites de 24 bibliotecas selecionadas dentre as melhores universidades internacionais e nacionais segundo indicadores da Webometrics Ranking of World’s Universities, World University Rankings 2011-2012 e Índice Geral de Cursos. Objetivou-se investigar e identificar tendências de aplicações de ferramentas para as atividades de mediação dos processos de acesso, busca e aprendizagem do uso de fontes de informação em bibliotecas universitárias. Os resultados apontam um panorama geral de como as bibliotecas universitárias estão realizando o processo de mediação de fontes de informação, especialmente em relação às bases de dados bibliográficas. Observou-se variações na escala de implementação dessas ferramentas entre as bibliotecas internacionais e as bibliotecas nacionais, bem como o destaque de algumas delas. Conclui-se que diante da disponibilidade e acessibilidade cada vez mais crescente das fontes de informação, torna-se necessário que estas sejam utilizadas de forma eficaz e eficiente. Neste contexto cabe ao bibliotecário refletir, selecionar e implementar ações e ferramentas mais viáveis à realidade de cada biblioteca, considerando as características específicas das gerações e categorias de usuários, a diversidade de tecnologias ofertadas a estes usuários e também aos não usuários, autonomia, estímulo e facilidades para o acesso, busca e uso das fontes de informação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Valéria Aparecida Moreira Novelli, Universidade Estadual Paulista/Instituto de Química

Mestre em Ciência, Tecnologia e Sociedade, pela Universidade Federal de São Carlos, UFSCar. Diretora Técnica na Biblioteca do Instituto de Química da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP.

Wanda Aparecida Machado Hoffmann, Universidade Federal de São Carlos/Departamento de Ciência da Informação

Professora Permanente do Programa de Pós-Graduação em Ciência, Tecnologia e Sociedade e Professora Colaboradora do Programa de Pós-Graduação em Ciência e Engenharia de Materiais da UFSCar. Pesquisadora do Núcleo de Informação em Ciência, Tecnologia, Inovação e Sociedade, e do Núcleo de Informação Tecnológica em Materiais da UFSCar. Membro do Conselho de Inovação Tecnológica da UFSCar.

Luciana de Souza Gracioso, Universidade Federal de São Carlos/Departamento de Ciência da Informação

Professora adjunta no Departamento de Ciência da Informação e docente no Programa de Pós Graduação em Ciência, Tecnologia e Sociedade da UFSCar.

Downloads

Publicado

2014-09-23

Edição

Seção

Artigos