Biblioteconomia contemporânea: desafios e realidades

Autores

  • Emanuelle Geórgia Amaral Ferreira

Resumo

Esta pesquisa foi realizada com o objetivo de identificar e compreender, sob o aspecto epistemológico, a Biblioteconomia contemporânea. Para tanto, foram elencados como objetivos específicos: obter elementos para analisar as transformações da Biblioteconomia; verificar a percepção dos professores e dos bibliotecários em relação à visão de biblioteca, bibliotecário e Biblioteconomia; e apontar os desafios contemporâneos da área. A pesquisa pretendeu contribuir com a compreensão e reflexão dos aspectos teóricos e das modificações ocorridas na prática biblioteconômica no período que compreende a década de 1990 a partir das discussões em torno dos impactos das tecnologias e do Moderno Profissional da Informação, até o presente momento. Para atingir os objetivos propostos, foram usados nesta pesquisa exploratória de base qualitativa, os seguintes instrumentos de coleta de dados: pesquisa bibliográfica, entrevista semiestruturada e a técnica de análise de conteúdo para o tratamento dos dados coletados nas entrevistas. Foram realizadas duas análises dos dados: a partir da revisão de literatura, enfocando os conceitos de biblioteca, bibliotecário e Biblioteconomia; e a partir do conceito de nova Biblioteconomia cunhado por R. David Lankes. Partindo-se do princípio de que uma ciência é definida por seus praticantes e a forma como atuam, a amostra foi intencional e contou com bibliotecários atuantes em diferentes campos do mercado na cidade de Belo Horizonte e com professores que lecionam diferentes temáticas no curso de graduação em Biblioteconomia da Escola de Ciência da Informação da Universidade Federal de Minas Gerais. Os resultados indicaram que, de maneira geral, os entrevistados concebem a biblioteca como uma instituição social que tem o papel social de democratizar o acesso ao conhecimento. No entanto, diante do contexto informacional, há uma percepção de que tanto a biblioteca como o bibliotecário, precisam se reinventar e criar novas perspectivas de atuação junto com a sociedade. Os entrevistados indicaram que o bibliotecário é o responsável pelas mudanças que espera para a área. A Biblioteconomia, por sua vez, é entendida pelos entrevistados como um conhecimento que contribui para o desenvolvimento da sociedade ao subsidiar o acesso democrático à informação. A análise permitiu, ainda, apontar os desafios contemporâneos da Biblioteconomia a partir de quatro dimensões: 1) Impactos das tecnologias de informação e comunicação; 2) Mediação da informação; 3) Formação do bibliotecário; e, 4) Autovalorização profissional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2018-02-19

Edição

Seção

Teses e Dissertações