O historiador e a mundialização

Autores

  • Serge Gruzinski École des Hautes Études en Sciences Sociales

DOI:

https://doi.org/10.35699/2316-770X.2020.29174

Resumo

No sábado 13 de outubro de 2001 e no domingo 14, ou seja um pouco mais de um mês após o atentado de 11 de setembro,  um rio de quase dois milhões de Brasileiros invadia as ruas da cidade de Belém do Pará.  Desde a metrópole amazônica, uma grandiosa manifestação religiosa respondia ao ataque contra as Twin Towers de Nova York: uma interminável procissão suplicava à Virgem de Nazaré que trouxesse a paz à humanidade e impedisse a guerra e o terrorismo. Como todos sabem, o Círio da Virgem de Nazaré é uma festa barroca e mestiça que reúne cada ano as populações da Amazônia oriental desde o fim do século XVIII. Em 2001 foi algo mais do que uma tradicional festa local. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-02-19

Como Citar

GRUZINSKI, S. . O historiador e a mundialização. Revista da Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, v. 27, n. 1, p. 106–123, 2021. DOI: 10.35699/2316-770X.2020.29174. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/revistadaufmg/article/view/29174. Acesso em: 7 mar. 2021.