O USO DE TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO (TIC) NO DESENVOLVIMENTO ACADÊMICO DE ESTUDANTES DE MEDICINA

UM RELATO VIVENCIAL NO CENÁRIO ONCOLÓGICO

Autores

Palavras-chave:

Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC), COVID-19, Extensão acadêmica, Estudantes de Medicina, Oncologia

Resumo

A pandemia da COVID-19 acarretou impedimentos no funcionamento social, sendo que muitas atividades, dentre elas a extensão acadêmica, foram mantidas por meio das Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs). O artigo mostra como o Projeto Pronto Sorriso, projeto de extensão baseado na arteterapia e palhaçoterapia, serviu-se de ferramentas digitais para atingir seu público alvo. Ainda, analisar o grau de aproveitamento das TICs pelos extensionistas discentes do curso de Medicina da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN). Esse estudo trata-se de um relato de experiência de natureza descritiva, retrospectiva, qualitativa e quantitativa. A coleta de dados foi feita por meio de um formulário online, no qual foi utilizado a escala Likert para avaliação das questões objetivas e a Análise Temática de Conteúdo para questões subjetivas. Constatamos a proficuidade das TICs como instrumento para cumprir os objetivos do projeto e potencializar a rotina acadêmica dos estudantes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

ELLANY GURGEL COSME DO NASCIMENTO, UERN

EnfermeiraEspecialista em Epidemiologia, Auto-Gestão em Saúde, Saúde da Família, Obstetrícia e Formação Pedagógica em Educação.Doutora em Ciências da Saúde pela UFRNProfessora Adjunta III do Curso de Graduação em Medicina - FACS/UERNProfessora do Programa de Pós-Graduação em Saúde e Sociedade - FACS/UERN

Referências

Al-Maroof, R. S., Salloum, S. A., Hassanien, A. E., & Shaalan, K. (2020). Fear from COVID-19 and technology adoption: the impact of Google Meet during Coronavirus pandemic. Interactive Learning Environments, 1–16. Disponível em: https://doi.org/10.1080/10494820.2020.1830121

Bardin, L. (2011). Análise de conteúdo. In São Paulo: Edições 70 (70th ed., p. 276). Disponível em:

Brasil, Casa Civil. Lei no 8.080, de 19 de setembro de 1990. (1990). Dispõe sobre as condições para a promoção, proteção e recuperação da saúde, a organização e o funcionamento dos serviços correspondentes e dá outras providências. Diário Oficial Da União, 20.

CANI, J. B., Sandrini, E. G. C., SOARES, G. M., & SCALZER, K. (2020). Educação e COVID-19: a arte de reinventar a escola mediando a aprendizagem “prioritariamente” pelas TDIC. Revista Ifes Ciência, 6(1), 23–39. Disponível em: https://doi.org/10.36524/ric.v6i1.713

Carbonari, M. E. E., & Pereira, A. C. (2007). A extensão universitária no Brasil, do assistencialismo à sustentabilidade. Revista de Educação, 10(10). Disponível em: https://revista.pgsskroton.com/educ/article/view/2133

Curran, V., Matthews, L., Fleet, L., Simmons, K., Gustafson, D. L., & Wetsch, L. (2017). A Review of Digital, Social, and Mobile Technologies in Health Professional Education. Journal of Continuing Education in the Health Professions, 37(3), 195–206. Disponível em: https://doi.org/10.1097/CEH.0000000000000168

da Silva, F. A. B., Ziviani, P., & Ghezzi, D. R. (2019). As tecnologias digitais e seus usos. Textos Para Discussão, Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Disponível em: https://www.econstor.eu/handle/10419/211426

de Barros, E. R., Rodrigues, I. N., Bello, R. C. T., dos Santos Siebra, S. M., & Maia, A. M. L. R. (2020). Pronto sorriso: estudantes de medicina na figura do palhaço doutor. Revista Extendere, 7(1), 103–114. Disponível em: http://natal.uern.br/periodicos/index.php/EXT

de Melo, J. A. C., da Silva, C., de Souza Alves, M. L., de Souza Machado, I., Laurindo, M., & Fin, A. P. C. (2020). Extensão universitária na pandemia de COVID-19: projeto radiologia na comunidade, o uso da rede social e ambiente virtual de aprendizagem. Saberes Plurais: Educação Na Saúde, 4(2), 49–60. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/saberesplurais/article/view/108759

Diniz, E. G. M., Silva, A. M. da, Nunes, P. H. V., Franca, W. W. M., Rocha, J. V. R. da, Silva, D. S. P. da, Santos, V. H. B. dos, Araújo, H. D. A. de, Albuquerque, M. C. P. de A., & Aires, A. de L. (2020). A extensão universitária frente ao isolamento social imposto pela COVID-19. Brazilian Journal of Development, 6(9), 72999–73010. Disponível em: https://doi.org/10.34117/bjdv6n9-669

dos Anjos Lopes, J. P., de Souza, L. R. V., da Silva, N. M., de Medeiros, B. V., & Maia, A. M. L. R. (2020). O impacto do projeto pronto sorriso em um serviço de saúde oncológico: uma análise subjetiva e vivencial. Revista Extendere, 7(1), 64–76. Disponível em: http://natal.uern.br/periodicos/index.php/EXT

França, T., Rabello, E. T., & Magnago, C. (2019). As mídias e as plataformas digitais no campo da Educação Permanente em Saúde: debates e propostas. Saúde Em Debate, 43(spe1), 106–115. Disponível em: https://doi.org/10.1590/0103-11042019s109

Goncalves, M. R., Pereira, J. W., Paiva, J. S. S., & Nunes, R. V. (2018). TECNOLOGIAS DIGITAIS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO NA EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA. CIET:EnPED. Disponível em: https://cietenped.ufscar.br/submissao/index.php/2018/article/view/734

Limeira, G. N., Batista, M. E. P., & Bezerra, J. de S. (2020). Desafios da utilização das novas tecnologias no ensino superior frente à pandemia da COVID-19. Research, Society and Development, 9(10), e2219108415. Disponível em: https://doi.org/10.33448/rsd-v9i10.8415

Nandagiri, V., & Philip, L. (2018). Impact of influencers from Instagram and YouTube on their followers. International Journal of Multidisciplinary Research and Modern Education, 4(1), 61–65. Disponível em: https://www.researchgate.net/profile/Vaibhavi-Nandagiri/publication/323996049_The_impact_of_influencers_from_Instagram_and_YouTube_on_their_followers/links/5ab77efc0f7e9b68ef50950f/The-impact-of-influencers-from-Instagram-and-YouTube-on-their-followers.pdf

Santos, D. G. L. dos, Limberger, D. C., Trezzi, I., Damitz, L. O., Bonelli, K. R., Dill, S. C., Leite, M. T., & Hildebrandt, L. M. (2021). Programa de educação tutorial de enfermagem reorganizando atividades extensionistas no período de pandemia por coronavírus. Brazilian Journal of Development, 7(2), 20160–20168. Disponível em: https://doi.org/10.34117/bjdv7n2-588

Santos, G. S. H. dos, Camargo, C. C. de, & Menossi, B. R. dos S. (2020). Projeto de extensão universitário no combate a obesidade infantil através das mídias sociais em face de pandemia por COVID-19: um estudo transversal. Brazilian Journal of Development, 6(9), 69886–69900. Disponível em: https://doi.org/10.34117/bjdv6n9-438

Santos, J. S. (2020). A experiência de uma liga acadêmica: contribuição da visita como atividade de extensão para os discentes do curso tecnólogo em radiologia. Interfaces-Revista de Extensão Da UFMG, 8(2), 265–306. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/revistainterfaces/article/view/19447.

SENAI. (2019). Mas afinal de contas, o que é TIC’s? Disponível em: <https://isitics.com/2019/07/01/mas-afinal-de-contas-o-que-e-tics/>. Acesso em: 16 de jul. de 2021.

Serrão, A. C. P. (2020). Em tempos de exceção como fazer extensão? Reflexões sobre a Prática da Extensão Universitária no Combate à Covid-19. Revista Práticas Em Extensão, 4(1), 47–49. Disponível em: https://www.ppg.revistas.uema.br/index.php/praticasemextensao/article/view/2223/1607.

Sleeman, J., Lang, C., & Lemon, N. (2016). Social Media Challenges and Affordances for International Students. Journal of Studies in International Education, 20(5), 391–415. Disponível em: https://doi.org/10.1177/1028315316662975.

Soares-Leite, W. S., & do Nascimento-Ribeiro, C. A. (2012). A inclusão das TICs na educação brasileira: problemas e desafios. Revista Internacional de Investigación En Educación, 5(10), 173–187. Disponível em: http://hdl.handle.net/20.500.12799/2600.

Teodoro Farias, Q. L., Rocha, S. P., Pedroza Cavalcante, A. S., Diniz, J. L., Da Ponte Neto, O. A., & Vasconcelos, M. I. O. (2017). Implicações das tecnologias de informação e comunicação no processo de educação permanente em saúde. Revista Eletrônica de Comunicação, Informação e Inovação Em Saúde, 11(4). Disponível em: https://doi.org/10.29397/reciis.v11i4.1261.

Publicado

2023-07-22

Como Citar

LARISSA DE AGUIAR FERNANDES, I. .; MACSON DA SILVA, N.; BAIONI DO NASCIMENTO, B. .; GURGEL COSME DO NASCIMENTO, E. . O USO DE TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO (TIC) NO DESENVOLVIMENTO ACADÊMICO DE ESTUDANTES DE MEDICINA: UM RELATO VIVENCIAL NO CENÁRIO ONCOLÓGICO. Interfaces - Revista de Extensão da UFMG, [S. l.], 2023. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/revistainterfaces/article/view/35621. Acesso em: 24 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos