METODOLOGIAS ATIVAS NO ENSINO SUPERIOR

PERFIL E PERCEPÇÕES DOS ESTUDANTES DO CURSO DE MEDICINA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.35699/2238-037X.2021.34061

Palavras-chave:

Metodologias ativas, Ensino-aprendizagem, Estudantes de medicina, Educação médica

Resumo

O objetivo do presente trabalho foi analisar a percepção dos discentes do curso de Medicina da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri - Campus JK sobre a utilização de metodologias ativas no âmbito da formação acadêmica. O referencial teórico é norteado por três eixos, quais sejam: o ensino superior, processo e sujeitos; a formação do profissional de medicina e as metodologias ativas de ensino-aprendizagem...

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sarah Beatriz Soares de Oliveira, Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM)

Mestre em Ciências Humanas pela Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri - UFVJM, Graduada em Pedagogia pelas Faculdades Integradas do Norte de Minas. Ocupa o cargo de Pedagoga na Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri. 

Downloads

Publicado

2021-09-20

Como Citar

OLIVEIRA, S. B. S. de. METODOLOGIAS ATIVAS NO ENSINO SUPERIOR: PERFIL E PERCEPÇÕES DOS ESTUDANTES DO CURSO DE MEDICINA. Trabalho & Educação, Belo Horizonte, v. 30, n. 2, p. 235–237, 2021. DOI: 10.35699/2238-037X.2021.34061. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/trabedu/article/view/34061. Acesso em: 4 dez. 2021.

Edição

Seção

RESUMOS