A PEDAGOGIA A DISTÂNCIA COMO REDIMENSIONAMENTO NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL: O ESTÁGIO SUPERVISIONADO / The Distance Pedagogy as redimensioning in the teachers formation for Childhood Education: the supervised training

Autores

  • Marilene Salgueiro UFPB

Palavras-chave:

Pedagogia, formação de professores, educação à distância, estágio supervisionado

Resumo

Neste artigo procuramos refletir acerca da formação de professores no Brasil, especificamente no curso de Licenciatura em Pedagogia, modalidade a distância, da Universidade Federal da Paraíba e o papel do estágio supervisionado como eixo articulador inter/transdisciplinar e preparador para o trabalho do pedagogo-docente para a Educação Infantil. Este trabalho é resultado de reflexões realizadas a partir da nossa experiência como docente do referido curso, no componente curricular Estágio Supervisionado em Magistério da Educação Infantil I e VII. Atuar nas etapas iniciais e finais desse curso possibilita o acompanhamento da importância do estágio na formação dos docentes. Embasado em autores que discutem a Educação a Distância, a formação docente nos cursos de Pedagogia e o estágio supervisionado, utilizamos procedimentos da pesquisa bibliográfica e documental. Concluímos, preliminarmente, que a ampliação dos espaços de formação de docentes no curso de Pedagogia, modalidade a distância, se coloca como um desafio aos educadores, pois ainda há um grande espaço a ser alcançado para elevar a educação aos espaços das Tecnologias de Informação e Comunicação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marilene Salgueiro, UFPB

Professora do departamento de habilitações Pedagógicas do Centro de Educação da Universidade federal da Paraíba. mestre em Educação pela UFRN e Doutoranda em Educação no PPGE/UFPB.

Downloads

Publicado

2012-03-01

Como Citar

SALGUEIRO, M. A PEDAGOGIA A DISTÂNCIA COMO REDIMENSIONAMENTO NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL: O ESTÁGIO SUPERVISIONADO / The Distance Pedagogy as redimensioning in the teachers formation for Childhood Education: the supervised training. Trabalho & Educação, Belo Horizonte, v. 20, n. 3, p. 11–24, 2012. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/trabedu/article/view/8701. Acesso em: 23 maio. 2022.

Edição

Seção

ARTIGOS