PACTO NACIONAL DO ENSINO MÉDIO E REINVENTANDO O ENSINO MÉDIO: TENSÕES ENTRE TRABALHO E EMPREGABILIDADE | National Pact for Secondary Education Strengthening and Reinventing High School: tensions between work and employability

Autores

  • Teodoro Adriano Costa Zanardi Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais
  • Silene Gelmini Araújo Veloso Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais
  • Wanderson Souza Cleres Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Palavras-chave:

Pacto Nacional para o Fortalecimento do Ensino Médio, Reinventando o Ensino Médio, Trabalho e Empregabilidade, National Pact for Secondary Education Strengthening, Reinventing High School, work employability

Resumo

The high school is a privileged field for the development of educational projects aimed at the qualification of young people for the labor market. However, the strong evasion and the lack of identity and meaning have caused an explicit failure of such projects. Earlier this decade, the National Curriculum Guidelines for High School brought the Work as an educational principle and a training proposal that would allow not only students but also educators to articulate the knowledge with its transforming action. At the same time in 2012, the development of a curriculum project that focuses on employability aimed at high school began in flagrant inconsistency with the CGHSs. This article aims at the critical analysis of the proposals on the basis of Work and Employability categories and authors as Marise Ramos, Pablo Gentili and Marx. 

__

 Ensino Médio é um campo privilegiado para o desenvolvimento dos projetos educacionais voltados à qualificação dos jovens para o mercado de trabalho. No entanto, a forte evasão e a carência de identidade e significado têm provocado um explícito fracasso de tais projetos. No início desta década, as Diretrizes Curriculares Nacionais para Ensino Médio (DCNEM) trouxeram o trabalho como princípio educativo e uma proposta de formação que possibilitasse não só aos educandos, mas também aos educadores articular conhecimento e ação transformadora. Concomitantemente, em 2012, iniciou-se o desenvolvimento de um projeto curricular nas escolas da Rede Estadual de Minas Gerais que privilegiou a empregabilidade como objetivo do Ensino Médio, em flagrante incompatibilidade com as DCNEM. Este artigo tem como objetivo a análise crítica dessas propostas com base nas categorias trabalho e empregabilidade e em autores como Marise Ramos, Pablo Gentili e Marx.


Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Teodoro Adriano Costa Zanardi, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Doutor em Educação pela PUC-SP, pós-doutorado em Educação pela Universidade de Colônia/Alemanha. Professor do Programa de Pós-graduação em Educação da PUC-Minas.

Silene Gelmini Araújo Veloso, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Mestranda em Educação pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - Linha de Pesquisa Educação Escolar:políticas e práticas curriculares, cotidiano e cultura; Eixo temático: Currículo: Políticas e Práticas.

Wanderson Souza Cleres, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Mestrando em Educação pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - Linha de Pesquisa Educação Escolar:políticas e práticas curriculares, cotidiano e cultura; Eixo temático: Currículo: Políticas e Práticas.

Downloads

Publicado

2016-12-26

Como Citar

ZANARDI, T. A. C.; VELOSO, S. G. A.; CLERES, W. S. PACTO NACIONAL DO ENSINO MÉDIO E REINVENTANDO O ENSINO MÉDIO: TENSÕES ENTRE TRABALHO E EMPREGABILIDADE | National Pact for Secondary Education Strengthening and Reinventing High School: tensions between work and employability. Trabalho & Educação, Belo Horizonte, v. 25, n. 3, p. 173–188, 2016. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/trabedu/article/view/9501. Acesso em: 5 dez. 2021.

Edição

Seção

ARTIGOS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

Artigos Semelhantes

> >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.