Contagem como o coração do mundo, através do olhar da produtora Filmes de Plástico

Autores

DOI:

https://doi.org/10.35699/2317-2096.2020.25613

Palavras-chave:

cinema, ANCINE, política, cultura, estética, No coração do mundo, Filmes de Plástico

Resumo

O presente artigo visa abordar a trajetória da produtora audiovisual mineira Filmes de Plástico, sobretudo seu último longa-metragem, No coração do mundo (2019). Pretende-se também discutir as políticas de fomento ao audiovisual no Brasil, que, nas últimas duas décadas, foram responsáveis por inserir sujeitos e setores que foram excluídos do projeto de Estado-nação brasileiro e latino-americano. Parte-se do conceito, elaborado por Silviano Santiago (2004), de “cosmopolitismo do pobre”, a fim de avaliar como as ideias propostas pelo articulista podem iluminar a discussão de projetos culturais no Brasil contemporâneo. Além dos conceitos de Santiago (2004), incorporam-se algumas ideias de Georges Didi-Huberman (2011) e Walter Benjamin (1987) que relacionam estética e política. Esse marco teórico contribui para pensar os elementos estéticos propostos pela produtora mineira, presentes em seu longa de 2019. Uma estética que valoriza a memória e o espaço onde estão as raízes culturais daqueles à frente da produtora.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ANCINE. Apresentação. In: PORTAL da Agência Nacional de Cinema, Rio de Janeiro: ANCINE, [200-?]. Disponível em: https://www.ancine.gov.br/pt-br/ancine/apresentacao. Acesso em: 13 jan 2020.

ANCINE. Uma nova política para o audiovisual: Agência Nacional de Cinema, os primeiros 15 anos. Rio de Janeiro: Ministério da Cultura, 2017. Disponível em: https://www.ancine.gov.br/sites/default/files/livros/ANCINE%2015%20ANOS%20WEB%20FINAL_em%20baixa2.pdf. Acesso em: 15 jan. 2020.

BANDEIRA, Manuel. Vou-me embora pra Pasárgada. In: ______. Poesia completa e prosa, Organização de Manuel Bandeira. Rio de Janeiro: Companhia José de Aguilar Editora, 1974. p. 222.

BENJAMIN, Walter. Imagens do pensamento. In: ______. Rua de mão única. Tradução de Rubens Rodrigues Torres Filho, José Carlos Martins Barbosa. São Paulo: Brasiliense, 1987. p. 143-177. (Obras escolhidas v.2).

CONTAGEM. Direção: Gabriel Martins, Maurílio Martins. Contagem: Filmes de Plástico, 2010. Disponível em: https://www.filmesdeplastico.com.br/.

DIDI-HUBERMAN, Georges. Sobrevivência dos vaga-lumes. Tradução de Márcia Arbex, Vera Casa Nova. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2011.

DONA Sônia pediu uma arma para seu vizinho Alcides. Direção: Gabriel Martins. Contagem: Filmes de Plástico, 2011. Disponível em: https://www.filmesdeplastico.com.br/.

ELA volta na quinta. Direção: André Novais Oliveira. Contagem: Filmes de Plástico, 2014. Disponível em: https://www.filmesdeplastico.com.br/.

FILME de sábado. Direção: Gabriel Martins. Contagem: Filmes de Plástico, 2009. Disponível em: https://www.filmesdeplastico.com.br/.

FILMES de Plástico. [Contagem]: Filmes de Plástico, c2019. Página oficial da produtora. Disponível em: https://www.filmesdeplastico.com.br/. Acesso em: 13 dez. 2019.

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. Tradução de Tomaz Tadeu da Silva, Guacira Lopes Louro. 11. ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2011.

MAZUI, Guilherme. ‘Se não puder ter filtro, nós extinguiremos a Ancine’, diz Bolsonaro. G1, Brasília, 19 jul. 2019. Política. Disponível em https://g1.globo.com/politica/noticia/2019/07/19/se-nao-puder-ter-filtro-nos-extinguiremos-a-ancine-diz-bolsonaro.ghtml. Acesso em: 13 jan. 2020.

NO CORAÇÃO do mundo. Direção: Gabriel Martins, Maurílio Martins. Contagem: Filmes de Plástico, 2019. Disponível em: https://www.filmesdeplastico.com.br/.

‘NO CORAÇÃO do Mundo’, novo filme da produtora ‘Filmes de Plástico’ será lançado nesta quinta. [Belo Horizonte: s.n.], 2019. 1 vídeo (51 min.). Publicado pelo canal O Tempo. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=OxvnPiMT2rY. Acesso em: 13 dez. 2019.

MC Papo. Texas. In: VAGALUME: música é tudo, [S.l]: Vagalume Mídia, c2018. Disponível em: https://www.vagalume.com.br/mc-papo/texas.html. Acesso em: 20 jan. 2020.

PRODUTORA mineira “Filmes de Plástico” é homenageada na 13ª CineBH. In: PORTAL do 13ª CineBH International Film Festival, Belo Horizonte: Universo Produção, 2019. Disponível em: http://cinebh.com.br/noticia/produtora-mineira-filmes-de-plastico-e-homenageada-na-13-cinebh. Acesso em: 13 jan. 2020.

QUINTAL. Direção: André Novais Oliveira. Contagem: Filmes de Plástico, 2015. Disponível em: https://www.filmesdeplastico.com.br/.

SANTIAGO, Silviano. O cosmopolitismo do pobre. In: ______. Cosmopolitismo do pobre: crítica literária e crítica cultural. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2004. p. 45-63.

SCHWARZ, Roberto. Ideias fora do lugar. In:.______. Ao vencedor as batatas: forma literária e processo social nos inícios do romance brasileiro. São Paulo: Duas Cidades: Ed. 34, 2000. p. 9.

Downloads

Publicado

2020-10-08

Como Citar

de Almeida Bezerra da Silva, G. (2020). Contagem como o coração do mundo, através do olhar da produtora Filmes de Plástico . Aletria: Revista De Estudos De Literatura, 30(3), 179-200. https://doi.org/10.35699/2317-2096.2020.25613

Edição

Seção

Dossiê – Imaginários e Cinema Latino-Americano