Primo Levi, um narrador do inenarrável

  • Roberto Círio Nogueira Universidade de São Paulo
Palavras-chave: Primo Levi, Walter Benjamin, Narrador, Testemunho

Resumo

Estudo do conto "O retorno de Lorenzo", de Primo Levi, com base nas considerações de Walter Benjamin a propósito do narrador. Trata-se de um ensaio de classificação do narrador deste conto, o qual lida com a tarefa paradoxal de relatar a vivência incomunicável dos campos de concentração. Questiona-se se linguagem referencial, empregada pelo autor com certa quantia de terminologia técnica, é pertinente a uma obra de testemunho e se o ensinamento moral que o conto transmite faz renascer as ações da experiência após a decadência das mesmas ter chegado ao extremo, em Auschwitz.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Roberto Círio Nogueira, Universidade de São Paulo

Doutorando em Literatura Brasileira na USP, sob a orientação do Prof. Dr. Jaime Ginzburg, e bolsista do CNPq.

Referências

ADORNO, Theodor. Notas de literatura I. Tradução e apresentação Jorge M. B. de Almeida. São Paulo: Duas Cidades; Ed. 34, 2003. (Coleção Espírito Crítico)

BENJAMIN, Walter. Magia e técnica, arte e política: ensaios sobre literatura e história da cultura.Tradução Sérgio Paulo Rouanet; prefácio de Jeanne Marie Gagnebin. 7ª ed. São Paulo: Brasiliense, 1994. (Obras escolhidas, vol. 1)

BENJAMIN, Walter. Gesammelte Schriften. In: TIEDEMANN, R. e SCHWEPPENHÄUSER, H. (Org.). Frankfurt a. M.: Suhrkamp, 7 vols., 1972. (vol. 2)

CYTRYNOWICZ, Roney. Auschwitz e o turismo da memória. In: REVISTA USP, Dossiê 50 anos de final de Segunda Guerra, n. 26, 1995, p. 148-153.

FREUD, Sigmund. Conferências introdutórias sobre psicanálise (parte III: 1916-1917): com os comentários de James Strachey; direção de Jayme Salomão – Rio de Janeiro: Imago, 1976. (Edição standard brasileira das obras psicológicas completas de Sigmund Freud, vol. 16)

FREUD, Sigmund. Lo siniestro. In: FREUD, Sigmund. Obras completas de Sigmund Freud. Tomo III, 4ª ed. Trad. Luis Lopez Ballesteros y de Torre. Madrid: Biblioteca Nueva, 1981, p. 2483-2505.

HOBSBAWN, Eric. Era dos extremos: o breve século XX: 1914-1991. Trad. Marcos Santarrita; revisão técnica Maria Célia Paoli. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.

LEVI, Primo. 71 contos. Trad. Maurício Santana Dias. São Paulo: Companhia das Letras, 2005.

SELIGMANN-SILVA, Márcio. Catástrofe, história e memória em Walter Benjamin e Chris Marker: a escritura da memória. In: SELIGMANN-SILVA, Márcio. (Org.). História, memória, literatura: o testemunho na era das catástrofes. Campinas – SP: Editora da UNICAMP, 2003, p. 387-414.

SELIGMANN-SILVA, Márcio. Literatura e trauma: um novo paradigma. In: SELIGMANN-SILVA, Márcio. O local da diferença: ensaios sobre memória, arte, literatura e tradução. São Paulo: Editora 34, 2005, p. 63-80.

WATT, Ian. O realismo e a forma romance. In: WATT, Ian. A ascensão do romance. Trad. Hildegard Feist. São Paulo: Cia. das Letras, 1990, p. 11-33.

TODOROV, Tzvetan. Em face do extremo. Trad. Egon de Oliveira Rangel e Enid Abreu Dobránszky. Campinas – SP: Papirus, 1995.

Publicado
2010-10-30
Como Citar
Nogueira, R. C. (2010). Primo Levi, um narrador do inenarrável. Arquivo Maaravi: Revista Digital De Estudos Judaicos Da UFMG, 4(7), 86-92. https://doi.org/10.17851/1982-3053.4.7.86-92