LINGUAGENS E SABERES PROFISSIONAIS NA CONSTRUÇÃO CIVIL / Languages and professional knowledge in civil construction

Autores

  • Grazielle Tomaz de Almeida CEFET /MG
  • João Bosco Laudares CEFET-MG

Palavras-chave:

Linguagem, Saberes, Construção civil, Educação e trabalho.

Resumo

Neste artigo são apresentados aportes teóricos e discussão de questões que fundamentam uma pesquisa sobre linguagem e saberes na construção civil. Problematizam-se a formação e qualificação de profissionais, pedreiros e mestre de obra.  Insere-se a investigação, na temática Educação e Trabalho, ao estudar as relações sociais produtivas nas quais, se tem uma situação de trabalho. Tomam-se parâmetros da Ergologia para se identificar a complexidade da atividade trabalho. Considera-se a interação como categoria fundante na pesquisa, visto que na atividade ela é fator da produção e desenvolvimento de saberes. Apresentam-se alguns resultados de estudos, a partir da revisão bibliográfica realizada.   

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Grazielle Tomaz de Almeida, CEFET /MG

Mestranda em Educação Tecnológica do Centro de Educação Tecnológica de Minas Gerais CEFET/MG, pesquisadora do Grupo de Estudos e Pesquisa – Formação e Qualificação Profissional FORQUAP (CEFET/MG), graduada em Pedagogia pela Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais.

João Bosco Laudares, CEFET-MG

Doutor em Educação pela Universidade Católica de São Paulo PUC/SP, Professor do Mestrado em Educação Tecnológica do CEFET/MG e Líder do Grupo de Pesquisa Formação e Qualificação Profissional – FORQUAP – CEFET/MG.

Downloads

Publicado

2011-04-27

Como Citar

ALMEIDA, G. T. de; LAUDARES, J. B. LINGUAGENS E SABERES PROFISSIONAIS NA CONSTRUÇÃO CIVIL / Languages and professional knowledge in civil construction. Trabalho & Educação, Belo Horizonte, v. 19, n. 3, p. 101–114, 2011. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/trabedu/article/view/8676. Acesso em: 6 jul. 2022.