Odontologia baseada em evidência: etapas e métodos de uma revisão sistemática

  • Lívia Guimarães Zina Centro Universitário Newton Paiva, Belo Horizonte
  • Suzely Adas Saliba Moimaz Universidade Estadual Paulista - UNESP

Resumo

A  ciência baseada em evidência utiliza modelos de estudos epidemiológicos com a finalidade de aplicar o conhecimento científico nas decisões em saúde. O objetivo deste artigo foi descrever e discutir a Odontologia Baseada em Evidência (OBE) e metodologia das revisões sistemáticas, destacando as etapas para a sua realização, como a formulação de estratégias de busca, definição de critérios de inclusão e exclusão, extração, análise e síntese dos dados, incluindo a meta-análise. A OBE é compreendida como uma abordagem para o serviço de saúde odontológico que requer integração da evidência científica com a experiência do profissional e as necessidades da população. Como contribuição, a OBE introduziu métodos que geram evidência de qualidade, ferramentas estatísticas utilizadas para sintetizar e analisar a evidência (revisões sistemáticas e meta-análise) e modos de acessar (bancos de dados eletrônicos) e aplicar a evidência (decisões em saúde baseadas em evidências). Por fim, a abordagem baseada em evidência permite avaliar o conhecimento científico por sua validade, impacto e aplicabilidade, eliminando a lacuna entre pesquisa e realidade dos serviços de saúde. É necessário que esforços continuem sendo empregados no sentido de estimular avanços qualitativos na pesquisa epidemiológica, fazendo com que a OBE alcance cada vez mais seu espaço concreto nos processos de planejamento e execução das ações em saúde. Descritores: Prática clínica baseada em evidências. Odontologia baseada em evidências. Epidemiologia. Metanálise como assunto. Revisão. Metodologia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lívia Guimarães Zina, Centro Universitário Newton Paiva, Belo Horizonte
Curso de Odontologia, Centro Universitário Newton Paiva, Belo Horizonte, MG, Brasil
Suzely Adas Saliba Moimaz, Universidade Estadual Paulista - UNESP

Departamento de Odontologia Infantil e Social, Faculdade de Odontologia de Araçatuba, Universidade Estadual Paulista (UNESP), Araçatuba, SP. Brasil

Referências

ciência baseada em evidência utiliza modelos de estudos epidemiológicos com a finalidade de aplicar o conhecimento científico nas decisões em saúde. O objetivo deste artigo foi descrever e discutir a Odontologia Baseada em Evidência (OBE) e metodologia das revisões sistemáticas, destacando as etapas para a sua realização, como a formulação de estratégias de busca, definição de critérios de inclusão e exclusão, extração, análise e síntese dos dados, incluindo a meta-análise. A OBE é compreendida como uma abordagem para o
serviço de saúde odontológico que requer integração da evidência científica com a experiência do profissional e as necessidades da população. Como contribuição, a OBE introduziu métodos que geram evidência de qualidade, ferramentas estatísticas utilizadas para sintetizar e analisar a evidência (revisões sistemáticas e meta-análise) e modos de acessar (bancos de dados eletrônicos) e aplicar a evidência (decisões em saúde baseadas em evidências). Por fim, a abordagem baseada em evidência permite avaliar o conhecimento científico por sua validade, impacto e aplicabilidade, eliminando a lacuna entre pesquisa e realidade dos serviços de
saúde. É necessário que esforços continuem sendo empregados no sentido de estimular avanços qualitativos na pesquisa epidemiológica, fazendo com que a OBE alcance cada vez mais seu espaço concreto nos processos de planejamento e execução das ações em saúde.
Descritores: Prática clínica baseada em evidências. Odontologia baseada em evidências. Epidemiologia. Metanálise como assunto. Revisão. Metodologia.
Publicado
2016-06-10
Como Citar
Zina, L. G., & Moimaz, S. A. S. (2016). Odontologia baseada em evidência: etapas e métodos de uma revisão sistemática. Arquivos Em Odontologia, 48(3). Recuperado de https://periodicos.ufmg.br/index.php/arquivosemodontologia/article/view/3610
Seção
Artigos

Most read articles by the same author(s)