Impactos da silvicultura de eucalipto no aumento das taxas de turbidez das águas fluviais: o caso de mananciais de abastecimento público de Caeté/MG

Autores

  • André Augusto Rodrigues Salgado
  • Antônio Pereira Magalhães Júnior Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

DOI:

https://doi.org/10.35699/2237-549X..13194

Palavras-chave:

Eucalipto, Erosão, Turbidez fluvial, Caeté

Resumo

O presente trabalho investiga a relação entre a silvicultura de eucalipto, a intensificação de processos erosivos superficiais e o aumento nas taxas de turbidez das águas fluviais em duas bacias hidrográficas no município de Caeté/MG que são ocupadas basicamente por esse tipo de atividade florestal. Para tanto, o estudo compara a qualidade das águas superficiais dessas bacias, notadamente no que se refere às taxas de turbidez, com períodos distintos da atividade florestal – plantio, crescimento e corte da floresta – ao longo de um período de cinco anos. Os resultados obtidos indicam que, na área investigada, durante o período de corte das árvores e o período imediatamente posterior a esse corte, as taxas médias de turbidez das águas monitoradas tendem a aumentar significativamente. Tal fato demonstra que essa atividade, da maneira como vem sendo desenvolvida na área investigada, tem contribuído para o assoreamento dos cursos fluviais locais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

André Augusto Rodrigues Salgado,

André Augusto Rodrigues Salgado é doutorando em Geologia – DEGEO/UFOP.

Antônio Pereira Magalhães Júnior, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

Antônio Pereira Magalhães Júnior é Professor Adjunto do Departamento de Geografia – IGC/UFMG.

Referências

ALVES, E. E. Análise dos impactos ambientais gerados pelo uso e ocupação do solo na qualidade dos recursos hídricos das bacias dos ribeirões Juca Vieira e Ribeiro Bonito. 2001. 54 p. Monografia (Graduação em Geografia) – Instituto de Geociências, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2001.

BRAGA, P. I. S.; GRANDI, T. S. M. Botânica da Serra da Piedade. In: CEMIG – Companhia Energética de Minas Gerais. Serra da Piedade. Belo Horizonte: CEMIG, 1992. p. 98-111.

BUENO, M. E. T. Geografia da Serra da Piedade. In: CEMIG – Companhia Energética de Minas Gerais. Serra da Piedade. Belo Horizonte: CEMIG, 1992. p. 56-75.

LAMBERT, R. Geographie du cycle de l’eau. Paris: Presses Universitaires du Mirail, 1996. 435 p.

MAGALHÃES JÚNIOR, A. P. Impactos ambientais em sistemas fluviais: a mudança no padrão de sedimentação do Rio das Velhas na Região de Belo Horizonte – MG. Caderno de Filosofia e Ciências Humanas, Belo Horizonte, n. 3, p. 39-47, 1994.

PÔSSA, J. A água já é o recurso estratégico n° 1. Revista do Legislativo, Belo Horizonte, n. 7, p. 5-11, 1994. SAAE – Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Caeté. Relatório técnico anual. Caeté: SAAE, 1997. 65 p. SALGADO, A. A. R.;

VALADÃO, R. C. Diagnóstico ambiental, zoneamento ecológico-econômico e plano de manejo ambiental da APA do ribeirão Ribeiro Bonito: relatório técnico. Belo Horizonte: IGC/UFMG, 2002. 67 p. SALGADO, A. A. R;

VALADÃO, R. C. Diagnóstico ambiental, zoneamento ecológico-econômico e plano de manejo ambiental da APA Águas Serra da Piedade: relatório técnico. Belo Horizonte: IGC/UFMG, 2003. 38 p. SALGADO, A. A. R;

VALADÃO, R. C; NEEF, H. Zoneamento ambiental e plano de manejo da bacia do ribeirão Ribeiro Bonito, Caeté/ MG. Revista Geo UERJ, Rio de Janeiro, 2003. Edição especial.

SALGADO, A. A. R. et al. Relação entre uso e ocupação do solo e qualidade das águas superficiais de bacias hidrográficas na Serra da Piedade/MG. Revista 7 Faces, Itabira, n. 5, 2004. No prelo.

Downloads

Publicado

2006-07-01

Como Citar

Salgado, A. A. R., & Magalhães Júnior, A. P. (2006). Impactos da silvicultura de eucalipto no aumento das taxas de turbidez das águas fluviais: o caso de mananciais de abastecimento público de Caeté/MG. Revista Geografias, 47–57. https://doi.org/10.35699/2237-549X.13194

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 > >>