Victor Klemperer e seu livro lti: a linguagem do Terceiro Reich

Palavras-chave: Manipulação, Linguagem, Antissemitismo, Terceiro Reich

Resumo

É um livro de teor testemunhal publicado em 1947 em Berlim. Tornou-se muito conhecido no Ocidente após a queda do Muro de Berlim. Publicado na antiga RDA não interessava ao regime comunista. Segundo Paola Traverso, os alemães passaram a valorizar a 'LTI' como forma de se desculpar junto aos judeus. Klemperer abandonou seu sentimento de alemanidade, após sofrer todas as injúrias impostas pelo nazismo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Miriam Bettina Paulina Bergel Oelsner, Universidade de São Paulo

Doutora em História Social pela Universidade de São Paulo.

Referências

KLEMPERER, Victor. Und so ist alles schwankend. Berlim: ATV, 1997.
KLEMPERER, Victor. Curriculum vitae. Recordações. 1881-1918. Tomo I. Berlim: ATV, 1989.
KLEMPERER, Victor. Os diários de Victor Klemperer, 1933-1945. Trad. Irene Aron. São Paulo: Companhia das Letras, 1999.
KLEMPERER, Victor. LTI: a linguagem do Terceiro Reich. Trad. Miriam Oelsner. São Paulo: Companhia das Letras, 1999. Rio de Janeiro: Contraponto Editora, 2009.
SCHLESAK, Dieter. Capesius: o farmacêutico de Auschwitz. Trad. Miriam Oelsner. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2015.
TEL AVIV JAHRBUCH FÜR DEUTSCHE GESCHICHTE XXVI, 1997, p. 307-344 – Victor Klemperers Deutschlandbild – Ein jüdisches Tagebuch [Anuário da História Alemã XXVI/1997, p. 307-344 – Victor Klemperer e sua visão da Alemanha – Um diário judaico].
Publicado
2019-11-30
Como Citar
Oelsner, M. B. P. B. (2019). Victor Klemperer e seu livro lti: a linguagem do Terceiro Reich. Arquivo Maaravi: Revista Digital De Estudos Judaicos Da UFMG, 13(25), 121-130. https://doi.org/10.17851/1982-3053.13.25.121-130