Duas artistas plásticas judias na Amazônia

Autores

  • Alessandra Conde da Silva
  • Joel Cardoso da Silva UFPA

DOI:

https://doi.org/10.35699/1982-3053.2021.35907

Palavras-chave:

Artistas, Pintura, Amazônia

Resumo

 Mapeando vestígios da cultura judaica na Amazônia, o artigo discorre sobre a arte pictórica em artistas ainda pouco estudados na nossa região. As obras apresentadas propõem um diálogo entre nossos mitos e lendas, pertencentes ao nosso imaginário, confrontando-os com a tradição bíblico-judaica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BASTOS, Celso F. Donna. Rio de Janeiro: C. F. Bastos, 2007.

BENCHIMOL, Samuel. Eretz Amazônia. Os judeus na Amazônia. Manaus: Valer, 2008.

BENZECRY, Mady Benoliel. Sarandalhas. Manaus: Pongetti, 1967.

BIBLIA HEBRAICA. Baseada no Hebraico e à luz do Talmud e das Fontes Judaicas. Tradução de David Gorodovits e Jairo Fridlin. São Paulo: Editora & Livraria Sêfer, 2006.

BLAY, Eva Alterman. Judeus na Amazônia. In SORJ, B. (Org.). Identidades judaicas no Brasil contemporâneo [online]. Rio de Janeiro: Centro Edelstein de Pesquisas Sociais, 2008. p. 25-57.

CALENDÁRIO Judaico de Arte Brasileira 2016/2017.

CALENDÁRIO Judaico do Portal e Arquivo Histórico do Amazônia Judaica. 2020.

CARNEIRO, Maria Luiza Tucci; LAFER, Celso. Judeus e judaísmo na obra de Lasar Segall. Cotia, SP: Ateliê Editorial, 2004.

CARTUS, Niels. Olhares brasileiros judaicos: a presença do judaísmo na Arte Brasileira Contemporânea. 2006. f 135. Tese. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, 2006.

CONDE-SILVA, Alessandra F. “Escritores sefarditas na Amazônia”. Arquivo Maaravi: Revista Digital de Estudos Judaicos da UFMG, v. 14, p. 163-177, 2020. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/maaravi/article/view/21726.

CONDE-SILVA. “Memórias de uma judia sefardita: reminiscências poéticas na Amazônia”. Revista Moara, n. 56, vol. 1, ago-dez 2020. Disponível em: https://www.periodicos.ufpa.br/index.php/moara/article/view/9783/6756.

ECO, Umberto. História da Beleza. Trad. Eliana Aguiar. Rio de Janeiro: Record, 2010.

FAVRE, Yves-Alain. “Mulheres viris”. In: BRUNEL, Pierre (Org.). Dicionário de mitos literários. Tradução de Carlos Sussekind [et al.]. 2ª ed. Rio de Janeiro: José Olympio, 1998. p. 744-746.

LEWIN, Helena. Mulheres judias, profissionais brasileiras, entre a identidade e a cidadania. In: LEWIN, Helena (Coord.). Agradecimento. Identidade e cidadania: como se expressa o judaísmo brasileiro [online]. Rio de Janeiro: Centro Edelstein de Pesquisas Sociais, 2005. p.358-368.

LINS, Wagner. A mão e a luva: judeus marroquinos em Israel e na Amazônia; similaridades e diferenças na construção das identidades étnicas. 2010. Tese (Doutorado em Língua Hebraica, Literatura e Cultura Judaicas). FFLCH, USP, 2010.

MARGUTTI, Mário. Embaixadores da alma brasileira: vida e obra de Batista e Mady. Rio de Janeiro: Lucky, 2003.

PAGLIA, Camille. Vampes & Vadias. Trad. Renato Aguiar. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1996.

PANOFSKY, E. “Iconografia e Iconologia: Uma introdução ao estudo da arte da Renascença”. In: Significado nas Artes Visuais. Trad. Maria Clara F. Kneese e J. Guinsburg. São Paulo: Perspectiva, 2ª ed., 1986, p. 47-65.

PINTO, Abraham. La vida de Moyses y Abraham Pinto en la jungla del amazonas (1879-1893), o locus amoenus. Disponível em: http://judios-marroquies-en-amazonia.com/ memoiresNDW.php. Acesso em: 13 out. 2020.

PONNAU, Dominique. Figuras de Deus: a Bíblia na arte. Tradução de João Moura Junior. São Paulo: Editora UNESP, 2006.

SERRUYA, Marcos. O cabalista. Belém: Universitária, 2008.

SOUZA, Márcio. “A verdadeira nação de Rafael Bentes”. In: SCLIAR, Moacyr; SOUZA, Márcio. Entre Moisés e Macunaíma. Os Judeus que descobriram o Brasil. Rio de Janeiro: Garamond, 2000.

Downloads

Publicado

2021-12-30

Como Citar

Conde da Silva, A., & Cardoso da Silva, J. . (2021). Duas artistas plásticas judias na Amazônia. Arquivo Maaravi: Revista Digital De Estudos Judaicos Da UFMG, 15(29), 30–44. https://doi.org/10.35699/1982-3053.2021.35907