Ciências do Estado para além da graduação:

relatos de experiências na pós-graduação

  • Pâmela Rezendes Cortes
  • Rodrigo Badaró de Carvalho
Palavras-chave: docência, medotologia, Ciências do Estado

Biografia do Autor

Pâmela Rezendes Cortes

Bacharela em Ciências do Estado (UFMG), Mestre em Direito (UFMG) e Doutoranda em Direito (UFMG

Rodrigo Badaró de Carvalho

Bacharel em Ciências do Estado (UFMG), Mestre em Direito (UFMG) e Doutorando em Ciência Política (UFMG).

Referências

AMORIM NETO, OCTAVIO; SANTOS, FABIANO. La ciencia política en Brasil en la última década: La nacionalización y la lenta superación del parroquialismo. Rev. cienc. polít. (Santiago), Santiago, v. 35, n. 1, p. 19-31, 2015. Disponível em: https://scielo.conicyt.cl/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0718090X2015000100002&lng=es&nrm=iso. Acesso em 26 de Setembro de 2018.

DOMINGUES, Ivan. Conhecimento e transdisciplinaridade. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2005.

EVANS, Teresa M. et al. Evidence for a mental health crisis in graduate education. Nature biotechnology, v. 36, n. 3, p. 282-284, 2018.

GLEED, A.; MARCHANT, D. Interdisciplinarity: Survey report for the Global Research Council 2016 annual meeting. Stockport, UK: djs research, 2016.

JUPIASSU, Hilton. O espírito interdisciplinar. Cadernos EBAPE. BR, v. 4, n. 3, p. 01-09, 2006.

LEVITIN, Daniel J. A mente organizada: como pensar com clareza na era da sobrecarga de informação. Tradução de Roberto Grey. Rio de Janeiro: Objetiva, 2015.

PAULA, João Antônio (Org). A Transdisciplinaridade e os desafios contemporâneos. Belo Horizonte, Editora UFMG, 2008.
Publicado
2019-03-22
Como Citar
CORTES, P.; CARVALHO, R. Ciências do Estado para além da graduação:. Revista de Ciências do Estado, v. 4, n. 1, p. 10, 22 mar. 2019.
Seção
Ensaios