Plumas, cantos e mentes: Darwin, a seleção sexual e o ensino da teoria da evolução

  • Livia Baptista Nicolini Instituto Oswaldo Cruz, Fiocruz, RJ
  • Ricardo Waizbort Fundação Oswaldo Cruz
Palavras-chave: Ensino de biologia, teoria evolutiva, seleção natural, seleção sexual, comportamento humano

Resumo

O objetivo desse trabalho é oferecer um texto introdutório sobre a Teoria da Seleção Sexual de Darwin. A evolução por Seleção Natural é um dos principais tópicos utilizados na explicação da biodiversidade. Entretanto, esse mecanismo não é capaz de explicar todas as características existentes. Sendo assim, a inclusão da Teoria de Seleção Sexual pode tornar mais satisfatória a explicação da evolução e diversificação das espécies. Essa teoria também pode ser usada para explicar o desenvolvimento do cérebro humano e para compreender melhor as diferenças estruturais e comportamentais entre homens e mulheres. Por causa de suas implicações sociais e políticas a aprendizagem da Teoria da Seleção Sexual pode ajudar a desfazer certos mal entendidos relacionados à origem de comportamentos humanos e, nesse sentido, espera-se contribuir para suavizar o dualismo natureza versus cultura, que nos últimos dois séculos tem sido um entrave a uma melhor compreensão de fenômenos humanos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Livia Baptista Nicolini, Instituto Oswaldo Cruz, Fiocruz, RJ
Professora de Biologia dos Ensinos Fundamental e Médio, tutora presencial do curso de graduação em Licenciatura em Ciências Biológicas (CEDERJ), Mestre em Educação em Ciências e Saúde (NUTES/UFRJ) e Doutoranda em Ensino em Biociências e Saúde (EBS/FIOCRUZ) 
Ricardo Waizbort, Fundação Oswaldo Cruz
Pesquisador e professor do Programa de Pós-Graduação em Ensino em Biociências e Saúde, Instituto Oswaldo Cruz, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, Brasil  
Publicado
2013-10-23
Como Citar
Nicolini, L. B., & Waizbort, R. (2013). Plumas, cantos e mentes: Darwin, a seleção sexual e o ensino da teoria da evolução. Revista Brasileira De Pesquisa Em Educação Em Ciências, 13(2), 183-205. Recuperado de https://periodicos.ufmg.br/index.php/rbpec/article/view/4267
Seção
Artigos