Avaliação da experiência de estudantes de Odontologia com metodologias ativas de ensino na disciplina de Histologia

Autores

  • Isis Patrícia Soares Silva Dias Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp), São José dos Campos, SP, Brasil. https://orcid.org/0000-0002-0697-1559
  • Mariana Raquel da Cruz Vegian Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp), São José dos Campos, SP, Brasil. https://orcid.org/0000-0002-1819-3598
  • Tábata Prado Sato Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp), São José dos Campos, SP, Brasil. https://orcid.org/0000-0001-6472-8840
  • Keila Cristina Miranda Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp), São José dos Campos, SP, Brasil. https://orcid.org/0000-0003-1262-821X
  • Luana Marotta Reis de Vasconcellos Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp), São José dos Campos, SP, Brasil. https://orcid.org/0000-0003-4344-0578
  • Miguel Angel Castillo Salgado Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp), São José dos Campos, SP, Brasil. https://orcid.org/0000-0001-5793-4013
  • Marianne Spalding Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp), São José dos Campos, SP, Brasil. https://orcid.org/0000-0003-3667-2434

DOI:

https://doi.org/10.35699/2237-5864.2021.23804

Palavras-chave:

Educação superior, Educação em Odontologia, Histologia

Resumo

Na busca para aperfeiçoar o processo de ensino-aprendizagem na área da saúde, estratégias e ferramentas pedagógicas que possibilitam uma participação mais ativa dos estudantes têm sido propostas como alternativas para substituir ou complementar o ensino convencional e unidirecional, considerando como pressupostos a aprendizagem significativa, o professor como mediador e a necessidade de aprender a aprender. Nesse contexto, o presente estudo avaliou a percepção de estudantes na disciplina de Histologia, do curso de Odontologia da Universidade Estadual Paulista de São José dos Campos/SP, após a aplicação de estratégias pedagógicas diferentes das aulas expositivas tradicionais. A partir do feedback dos estudantes em relação às experiências vivenciadas em sala de aula, foi possível verificar avaliações positivas quanto à utilização das metodologias ativas de ensino e, embora as opiniões possam divergir em alguns casos, as respostas sinalizam que tais metodologias podem contribuir para uma aprendizagem mais efetiva durante o curso.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Isis Patrícia Soares Silva Dias, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp), São José dos Campos, SP, Brasil.

Graduada em Odontologia pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) de São José dos Campos, SP, Brasil. Pós-graduanda em Marketing pela Universidade de São Paulo (USP).

Mariana Raquel da Cruz Vegian, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp), São José dos Campos, SP, Brasil.

Doutoranda na área de Microbiologia e Imunologia pelo Instituto de Ciência e Tecnologia da Universidade Estadual Paulista (Unesp) de São José dos Campos, SP, Brasil. Mestre na área de Microbiologia e Imunologia pela mesma instituição (2018). Licenciada em Ciências Biológicas pela Unesp de Bauru, SP, Brasil (2014).

Tábata Prado Sato, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp), São José dos Campos, SP, Brasil.

Doutora e mestre pelo Programa de Pós-graduação em Odontologia Restauradora, especialidade Prótese Dentária, com período de doutorado sanduíche no exterior na Universidade de Coimbra. Especialista em Saúde Pública. Graduada em Odontologia pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) de São José dos Campos, SP, Brasil. Membro do grupo de pesquisa de Inovação em Biomateriais.

Keila Cristina Miranda, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp), São José dos Campos, SP, Brasil.

Residente em Oncologia Molecular no Hospital de Amor de Barretos. Mestre na área de Patologia pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) de São José dos Campos, SP, Brasil (2020). Bacharel em Biomedicina pela Universidade Paulista (Unip) (2017), habilitada em Imagenologia, com período sanduíche na The University of Adelaide, SA, Austrália (2013).

Luana Marotta Reis de Vasconcellos, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp), São José dos Campos, SP, Brasil.

Doutora (2005) e mestre (2002) pelo Programa de Pós-graduação em Biopatologia Bucal da Universidade Estadual Paulista (Unesp) de São José dos Campos, SP, Brasil. Docente de Histologia e Embriologia no Instituto de Ciência e Tecnologia da Unesp de São José dos Campos, SP, Brasil. Chefe do departamento de Biociências e Diagnóstico Bucal da mesma instituição.

Miguel Angel Castillo Salgado, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp), São José dos Campos, SP, Brasil.

Doutor em Genética Humana e Médica pela Universidade de São Paulo (USP). Mestre em Biologia e Patologia Buco-dental pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Especialista em Morfologia Buco-dental pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Docente de Histologia e Embriologia no Instituto de Ciência e Tecnologia da Universidade Estadual Paulista (Unesp) de São José dos Campos, SP, Brasil.

Marianne Spalding, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp), São José dos Campos, SP, Brasil.

Doutora (2005) pelo Programa de Pós-graduação em Biopatologia Bucal pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) de São José dos Campos, SP, Brasil e mestre (2002) pela Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo (FOB-USP), Brasil. Docente de Histologia e Embriologia no Instituto de Ciência e Tecnologia da Unesp de São José dos Campos, SP, Brasil, coordenadora do Laboratório de Práticas Pedagógicas (LAPP) e membro do Instituto de Educação e Pesquisa em Práticas Pedagógicas (IEP3) na mesma instituição.

Referências

AZEVEDO, S. B.; PACHECO, V. A.; SANTOS, E. A. DOS. Metodologias ativas no ensino superior. Revista Docência do Ensino Superior, Belo Horizonte, v. 9, n. 9, p. 1-22, 2019. DOI: https://doi.org/10.35699/2237-5864.2019.2573.

BERBEL, N. A. N. A problematização e a aprendizagem baseada em problemas: diferentes termos ou diferentes caminhos? Interface (Botucatu), Botucatu, v. 2, n. 2, p. 139-154, 1998. DOI: https://doi.org/10.1590/S1414-32831998000100008.

BERBEL, N. A. N. As metodologias ativas e a promoção da autonomia de estudantes. Ciências Sociais e Humanas, Londrina, v. 32, n. 1, p. 25-40, 2011. DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0383.2011v32n1p25.

BOLLELA, V. R.; SENGER, M. H.; TOURINHO, F. S. V.; AMARAL, E. Aprendizagem baseada em equipes: da teoria à prática. Medicina (Ribeirão Preto), Ribeirão Preto, v. 47, n. 3, p. 293-300, 2014. DOI: https://doi.org/10.11606/issn.2176-7262.v47i3p293-300.

BRANCO, C. C.; ALVES, M. M. Complexidade e sala de aula invertida – considerações sobre o método. In: CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO, 12, 2015, Curitiba. Anais [...]. Curitiba: Pontifícia Universidade Católica do Paraná, 2015. p. 15464-15477.

BRASIL. Ministério da Educação. Resolução CNE/CES 3, de 19 de fevereiro de 2002. Institui Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Odontologia. Diário Oficial da União: seção 1, Brasília, DF, p. 10, 2002.

CYRINO, E. G.; TORALLES-PEREIRA, M. L. Trabalhando com estratégias de ensino-aprendizado por descoberta na área da saúde: a problematização e a aprendizagem baseada em problemas. Cadernos de Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 20, n. 3, p. 780-788, 2004. DOI: https://doi.org/10.1590/S0102-311X2004000300015.

DOWNING, S. W. A multimedia-based histology laboratory course: elimination of the traditional microscope laboratory. Medinfo, v. 8, pt. 2, n. 1695, n. p., 1995.

FLAHERTY, J. O.; PHILLIPS, C. The use of flipped classrooms in higher education: a scoping review. The Internet and Higher Education, v. 25, p. 85-95, 2015. DOI: https://doi.org/10.1016/j.iheduc.2015.02.002.

HEIDGER, P. M.; DEE, F.; CONSOER, D.; LEAVEN, T.; DUNCAN, J.; CREITER, C. Integrated approach to teaching and testing in histology with real and virtual imaging. Anatomical Record, v. 269, n. 2, p. 107-112, 2002. DOI: https://doi.org/10.1002/ar.10078.

JOHNSON, S.; PURKISS, J.; HOLADAY, L.; SELVIG, D.; HORTSCH, M. Learning histology – dental and medical students’ study strategies. European Journal of Dental Education, v. 19, n. 2, p. 65-73, 2015. DOI: https://doi.org/10.1111/eje.12104.

KUMAR, R. K.; FREEMAN, B.; VELAN, G. M.; DE PERMENTIER, P. J. Integrating histology and histopathology teaching in practical classes using virtual slides. Anatomical Record – Part B New Anatomist, v. 289, n. 4, p. 128-133, 2006. DOI: https://doi.org/10.1002/ar.b.20105.

MACEDO, K. D. S.; ACOSTA, B. S.; SILVA, E. B.; SOUZA, N. S.; BECK, C. L. C.; SILVA, K. K. D. Active learning methodologies: possible paths to innovation in health teaching. Escola Anna Nery, Rio de Janeiro, v. 22, n. 3, p. 1-9, 2018. DOI: https://doi.org/10.1590/2177-9465-ean-2017-0435.

MICHAELSEN, L. K.; KNIGHT, A. B.; FINK, L. D. Team-based learning: a transformative use of small groups. Westport: Greenwood publishing group, 2002. Ebook. Disponível em: https://books.google.com.br/books?id=8S8efQkqeqIC&printsec=frontcover&hl=pt-BR&source=gbs_ge_summary_r&cad=0#v=onepage&q&f=false. Acesso em: 26 abr. 2021.

MITRE, S. M.; SIQUEIRA-BATISTA, R; GIRARDI-DE-MENDONÇA, J. M.; MORAIS-PINTO, N. M.; PINTO-PORTO, C.; MOREIRA, T.; HOFFMANN, L. M. A. Metodologias ativas de ensino-aprendizagem na formação profissional em saúde: debates atuais. Ciência e Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 13, supl. 2, p. 2133-2144, 2008. DOI: https://doi.org/10.1590/S1413-81232008000900018.

OLIVEIRA, B. L. C. A.; LIMA, S. F.; RODRIGUES, L. S.; PEREIRA JUNIOR, G. A. Team-Based Learning como forma de aprendizagem colaborativa e Sala de Aula Invertida com centralidade nos estudantes no processo ensino-aprendizagem. Revista Brasileira de Educação Médica, Brasília, v. 42, n. 4, p. 86-95, 2018. DOI: https://doi.org/10.1590/1981-52712015v42n4rb20180050.

RIBEIRO, E. N.; MENDONÇA, G. A. A.; MENDONÇA, A. F. A importância dos ambientes virtuais de aprendizagem na busca de novos domínios da EAD. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA, 23, 2007, Curitiba. Anais [...]. Curitiba: Associação Brasileira de Educação a Distância, 2007.

ROTELLAR, C.; CAIN, J. Research, perspectives, and recommendations on implementing the flipped classroom. American Journal of Pharmaceutical Education, v. 80, n. 2, 2016. DOI: https://dx.doi.org/10.5688%2Fajpe80234.

SANTA-ROSA, J. G.; STRUCHINER, M. Tecnologia educacional no contexto do ensino de histologia: pesquisa e desenvolvimento de um ambiente virtual de ensino. Revista Brasileira de Educação Médica, Rio de Janeiro, v. 35, n. 2, p. 289-298, 2011. DOI: https://dx.doi.org/10.1590/S0100-55022011000200020.

SIVIERO, F.; OLIVEIRA, S. F. Modernização do ensino de biologia tecidual. Revista da Graduação USP, v. 1, n. 1, p. 35-40, 2016. DOI: https://doi.org/10.11606/issn.2525-376X.v1i1p35-40.

TÉCNICAS Histológicas - Uma Abordagem Prática. Produção: Genilton José Vieira, Leonardo Perim, Luzia de Fátima Gonçalves Caputo, Pedro Paulo de Abreu Manso. Roteiro: Luzia de Fátima Gonçalves Caputo, Pedro Paulo de Abreu Manso. Laboratório de Patologia do Instituto Oswaldo Cruz – FIOCRUZ/Serviço de Produção e Tratamento de Imagem do Instituto Oswaldo Cruz – FIOCRUZ. Rio de Janeiro, 2009. 1 vídeo (70 min). Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=RlyTg64AT9E. Acesso em: 27 abr. 2021.

TREVISAN, A. L.; AMARAL, R. G. A Taxionomia revisada de Bloom aplicada à avaliação: um estudo de provas escritas de Matemática. Ciência & Educação, Bauru, v. 22, n. 2, p. 451–464, 2016. DOI: https://doi.org/10.1590/1516-731320160020011.

Downloads

Publicado

2021-05-21

Como Citar

DIAS, I. P. S. S. .; VEGIAN, M. R. da C.; SATO, T. P.; MIRANDA, K. C.; VASCONCELLOS, L. M. R. de; SALGADO, M. A. C. .; SPALDING, M. Avaliação da experiência de estudantes de Odontologia com metodologias ativas de ensino na disciplina de Histologia. Revista Docência do Ensino Superior, Belo Horizonte, v. 11, p. 1–17, 2021. DOI: 10.35699/2237-5864.2021.23804. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/rdes/article/view/23804. Acesso em: 25 set. 2021.

Edição

Seção

Artigos