Educação Física e docência universitária

estado da arte das publicações em periódicos brasileiros

Palavras-chave: Bibliometria, Docência universitária, Educação Física, Formação Profissional

Resumo

Este estudo tem como objetivo discutir o teor das publicações sobre Educação Física e docência universitária, mais precisamente sobre a formação e a atuação profissional em cursos de nível superior na referida área, no que tange a indissociabilidade ensino-pesquisa-extensão, no período de 2000 a 2017 (publicações em periódicos brasileiros Qualis-Capes A1 a B2). Foram detectadas 29 publicações cujas análises demonstraram que os estudos acerca da formação para docência na educação superior em Educação Física focam em discussões sobre o produtivismo de artigos científicos em detrimento da qualificação para a atuação profissional. Os eixos da tríade universitária se apresentam de forma desarticulada, com predominância da abordagem sobre o ensino. Embora alguns artigos citem a importância da articulação entre os eixos, o princípio da indissociabilidade ensino-pesquisa-extensão não foi o foco principal de nenhuma publicação analisada neste estudo, fato que evidencia a possibilidade da inexistência de publicações sobre essa temática na área de Educação Física.

Biografia do Autor

Priscila Lopes, Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM)

Licenciada em Educação Física pela UniFMU; mestre em Pedagogia do Movimento pela EEFEUSP; doutoranda em Estudos Socioculturais e Comportamentais da Educação Física e Esporte pela EEFEUSP; docente do Departamento de Educação Física da UFVJM; pesquisadora do Grupo de Estudos e Pesquisa GYMNUSP e líder do Grupo de Estudos e Práticas das Ginásticas (GEPG – UFVJM/CNPq).

Michele Viviene Carbinatto, Universidade de São Paulo (USP)

Bacharel e licenciada em Educação Física pela FEFUNICAMP; mestre em Corpoeridade e Pedagogia do Movimento pela UNIMEP; doutora em Educação Física pela EEFEUSP; docente do curso de Esporte da EEFEUSP e líder do Grupo de Estudos e Pesquisa GYMNUSP.

Referências

ALMEIDA, Luciane Pinho. A extensão universitária no Brasil: processos de aprendizagem a partir da experiência e do sentido. DIversités REcherches et Terrains [En ligne], Limoges, v. 7, p. 56-67, 2015. DOI: 10.25965/dire.692

ALMEIDA, Maria Isabel de; PIMENTA, Selma Garrido. Pedagogia universitária: valorizando o ensino e a docência na universidade. Revista Portuguesa de Educação, Braga, v. 27, n. 2, p. 7-31, jun. 2014.

BASKURT, Orguz. Time series analysis of publication counts of a university: what are the implications? Scientometrics, v. 86, n. 3, p. 645-656, mar. 2011. DOI: http://dx.doi.org/10.1007/s11192-010-0298-1

BIANCHI, Paula; PIRES, Giovani De Lorenzi. Cultura digital e formação de professores de Educação Física: estudo de caso na UNIPAMPA. Movimento, Porto Alegre, v. 21, n. 4, p. 1025-1036, out./dez. 2015. DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.53778

BRASIL. Lei nº 9.394/1996, de 20 de dezembro de 1996. LDB: Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Brasília: Senado Federal, Coordenação de Edições Técnicas, 2017. 58 p.

CAMARGO, Arlete Maria Monte de; ARAÚJO, Israel Martins. Expansão e interiorização das universidades federais no período de 2003 a 2014: perspectivas governamentais em debate. Acta Scientiarum Education, Maringá, v. 40, n. 1, p. 1-11, 2018. DOI: http://dx.doi.org/10.4025/actascieduc.v40i1.37659

CUNHA, Maria Isabel da. Inovações na educação superior: impactos na prática pedagógica e nos saberes da docência. Em Aberto, Brasília, v. 29, n. 97, p. 87-101, set./dez. 2016. DOI: http://dx.doi.org/10.24109/2176-6673.emaberto.29i97

CUNHA, Maria Isabel da. Qualidade da educação superior e a tensão entre democratização e internacionalização na universidade brasileira. Avaliação, Sorocaba, v. 22, n. 3, p. 817-832, nov. 2017. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/s1414-40772017000300013

DALCIN, Larissa; AUGUSTIN, Rudinei Barichello. O princípio da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão como paradigma de uma universidade socialmente referenciada. Revista Elos, diálogos em extensão, Viçosa, v. 5, n. 3, p. 38-49, dez. 2016. DOI: https://doi.org/10.21284/elo.v5i3.226

DIAS, Ana Maria Iorio. Discutindo caminhos para a indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão. Revista Brasileira de Docência, Ensino e Pesquisa em Educação Física, Cristalina, v. 1, n. 1, p. 37-59, ago. 2009.

FAVATO, Maria Nilse; RUIZ, Maria José Ferreira. REUNI: política para a democratização da educação superior? Revista Eletrônica de Educação, São Carlos, v. 12, n. 2, p. 448-463, maio/ago. 2018. DOI: http://dx.doi.org/10.14244/198271992365

FERREIRA, Norma Sandra de Almeida. As pesquisas denominadas “estado da arte”. Educação e Sociedade, Campinas, v. 23, n. 79, p. 257-272, ago. 2002.

FRANCO, Ana Maria de Paiva; CUNHA, Sarah. Perfil socioeconômico dos graduandos das IFES. Radar: tecnologia, produção e comércio exterior/Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, n. 49, p. 13-19, fev. 2017.

GADOTTI, Moacir. Extensão Universitária: Para quê? São Paulo: Instituto Paulo Freire, 2017. Disponível em: https://www.paulofreire.org/noticias/557-extensao-universitaria-para-que Acesso em: 28 maio 2018.

GAVIRAGHI, Fábio Jardel; MEDEIROS, Daniela. Ações e implicações da atuação docente no ensino superior: (im)possibilidades de (in)dissociar ensino, pesquisa e extensão. Contexto & Educação, Ijuí, v. 30, n. 96, p. 64-86, fev. 2015. DOI: https://doi.org/10.21527/2179-1309.2015.96.64-86

GAYA, Adroaldo Cezar Araújo. O Pós-graduação e a formação de professores de Educação Física no Brasil. Revista Brasileira de Educação Física e Esporte, Ijuí, v. 31 (n. esp.), p. 71-75, maio/ago. 2017. DOI: https://doi.org/10.21527/2179-1309.2015.96.64-86

GUARNIERI, Fernanda Vieira; MELO-SILVA, Lucy Leal. Cotas Universitárias no Brasil: análise de uma década de produção científica. Psicologia Escolar e Educacional, São Paulo, v. 21, n. 2, p. 183-193, maio/ago. 2017. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/2175-3539201702121100.

LAZZAROTTI FILHO, Ari; SILVA, Ana Márcia; PIRES, Giovani De Lorenzi. Saberes e práticas corporais na formação de professores de Educação Física na modalidade a distância. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Florianópolis, v. 35, n. 3, p. 701-705, maio 2013. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0101-32892013000300013

MAZZILLI, Sueli. Ensino, pesquisa e extensão: reconfiguração da universidade brasileira em tempos de redemocratização do Estado. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação, Goiânia, v. 27, n. 2, p. 205-221, maio/ago. 2011.

MIRANDA, Rita de Cássia Fernandes, AYOUB, Eliana. As práticas circenses no “tear” da formação inicial em Educação Física: novas tessituras para além da lona. Movimento, Porto Alegre, v. 22, n. 1, p. 187-198, jan./mar. 2016. DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.55179

MOITA, Filomena Maria; ANDRADE, Fernando Cézar. Ensino-pesquisa-extensão: um exercício de indissociabilidade na pós-graduação. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 14, n. 41, p. 269-280, maio/ago. 2009. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1413-24782009000200006

MOLINA NETO, Vicente; MULLER, Márcio Amaro; AMARAL, Luciano do. O programa de pós-graduação em ciências do movimento humano da ESEF/UFRGS: a visão dos estudantes sobre o seu processo de formação profissional. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Florianópolis, v. 24, n. 2, p. 75-96, jan. 2003.

MOREIRA, Evando Carlos; TOJAL, João Batista Aandreotti Gomes. Prioridades dos programas de pós-graduação stricto sensu em Educação Física: a visão dos egressos. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Florianópolis, v. 35, n. 1, p. 161-178, jan./mar. 2013. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0101-32892013000100013

MOURA, Eliana Gonçalves Peres de; ZUCCHETTI, Dinora Tereza. A indissociabilidade na universidade: fragmentos de uma experiência. Revista Eletrônica de Educação, São Carlos, v. 9, n. 1, p. 287-300, 2015. DOI: http://dx.doi.org/10.14244/198271991084

PEREIRA, Érico Felden; MEDEIROS, Cristina Carta Cardoso de. Metodologia do ensino superior nos programas de pós-graduação stricto sensu em Educação Física no Brasil: a formação docente em questão. Movimento, Porto Alegre, v. 17, n. 4, p. 165-183, out./dez. 2011. DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.17806

ROMANOWSKI, Joana Paulin; ENS, Romilda Teodora. As pesquisas denominadas do tipo “Estado da Arte” em educação. Diálogo Educacional, Curitiba, v. 6, n. 19, p. 37-50, set./dez. 2006.

SANTOS, Boaventura de Souza. Do conhecimento universitário ao conhecimento pluriversitário. In: SANTOS, Boaventura de Souza; ALMEIDA FILHO, Naomar (org.). A Universidade no século XXI: para uma universidade nova. Coimbra: Edições Almedina, 2008.

SANTOS, Franciele Michele dos; ALMEIDA, Fernanda Maria de; CASTRO, Sabrina Olímpio Caldas de. Qualidade do ensino superior em universidades federais e sistema de cotas. In: IV ENCONTRO BRASILEIRO DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, 4., 2017. João Pessoa. Anais [...] João Pessoa: UFPB, 2017. p. 712-727. Disponível em: http://www.ufpb.br/ebap/contents/documentos/0712-727-qualidade-do-ensino-superior-em-universidades-federais-e-sistema-de-cotas.pdf. Acesso em: 30 abr. 2018.

SENKEVICS, Adriano Souza. Cor ou raça nas instituições federais de ensino superior: explorando propostas para monitoramento da Lei de Cotas. Brasília: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, 2017.

SILVA, Junior Vagner Pereira da; GONÇALVES-SILVA, Luiza Lana; MOREIRA, Wagner Wey. Produtivismo na pós-graduação. Nada é tão ruim, que não possa piorar. É chegada a vez dos orientandos! Movimento, Porto Alegre, v. 20, n. 4, 1423-1445, out./dez. 2014. DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.46187

SOARES JUNIOR, Néri Emílio; BORGES, Lívia Freitas Fonseca. A pesquisa na formação inicial dos professores de Educação Física. Movimento, Porto Alegre, v. 18, n. 2, p. 169-186, abr./jun. 2012. DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.23916

SOARES, Magda Becker; MACIEL, Francisca. Alfabetização. Série Estado do Conhecimento, ISSN 1518-3653; n. 1 Brasília: MEC/Inep/Comped, 2000.

SOARES, Sandra Regina; CUNHA, Maria Isabel da. Qualidade do ensino de graduação: concepções de docentes pesquisadores. Avaliação, Sorocaba, v. 22, n. 2, p. 316-331, jul. 2017. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/s1414-40772017000200003

STENGEL, Márcia; DAYRELL, Juarez. Estado da arte da produção discente de pós-graduação em psicologia sobre adolescência e juventude. Belo Horizonte: s/editora, 2014.

TAUCHEN, Gionara; FÁVERO, Altair. O princípio da indissociabilidade universitária: dificuldades e possibilidades de articulação. Linhas Críticas, Brasília, v. 17, n. 33, p. 403-420, maio/ago. 2011. DOI: https://doi.org/10.26512/lc.v17i33.3818

TIECHER, Adilson Luiz; FIALHO, Danielle da Motta Ferreira; DIAS, Flávia Brito. Formação docente para a educação superior: o olhar de uma pesquisa do tipo estado da arte. In: IV Seminário Internacional de Representações Sociais, Subjetividade e Educação, 4., 2017. Curitiba. Anais [...] Curitiba: Editora Universitária Champagnat, 2017. Disponível em: http://educere.pucpr.br/p245/anais.html?tipo=2&-=. Acesso em: 4 abr. 2018.

VALÉRIO, Marcelo. Transformações no ensino superior: a docência como objeto de estudo. Revista Docência do Ensino Superior, Belo Horizonte, v. 8, n. 1, p. 263-271, jan./jun. 2018. DOI: https://doi.org/10.35699/2237-5864.2019.2482

VIEIRA, Sofia Lerche; NOGUEIRA, Jaana Flávia Fernandes. Reformas da educação superior no Brasil: tempo(s) e movimento(s). Revista Lusófona de Educação, Lisboa, v. 35, n. 35, p. 13-28, jun. 2017. DOI: 10.24140

VILELA, Naiara Souza; MELO, Geovana Ferreira. Ações formativas no contexto universitário: saberes e identidade docente. Revista Docência do Ensino Superior, Belo Horizonte, v. 7, n. 1, p. 94-109, jun. 2017. DOI: https://doi.org/10.35699/2237-5864.2019.2482

ZAGO, Nadir; PAIXÃO, Lea Pinheiro; PEREIRA, Thiago Ingrassia. Acesso e permanência no ensino superior: problematizando a evasão em uma nova universidade federal. Educação em Foco, Belo Horizonte n. 27, p.145-169, jan./abr. 2016.

Publicado
2019-08-06
Como Citar
LOPES, P.; CARBINATTO, M. V. Educação Física e docência universitária. Revista Docência do Ensino Superior, v. 9, p. 1-18, 6 ago. 2019.
Edição
Seção
Artigos